Taís Lopes, da CNN Brasil, é diagnosticada com covid-19

Redação - O Estado de S.Paulo

Outros apresentadores, como Monalisa Perrone, Gabriela Prioli e Leandro Karnal, também revelaram ter contraído a doença do novo coronavírus nesta semana

A jornalista Taís Lopes, da CNN Brasil. 

A jornalista Taís Lopes, da CNN Brasil.  Foto: Instagram / @taislopes

Taís Lopes, jornalista da CNN Brasil, anunciou que foi diagnosticada com covid-19 nesta quarta-feira, 14. Ontem, outros três apresentadores do canal também testaram positivo para o novo coronavírus, Monalisa Perrone, Gabriela Prioli e Leandro Karnal

"Eu gosto de ser transparente, afinal, falo sobre isso todos os dias na TV, reforçando a orientação dos médicos. Acho que seria de bom tom compartilhar isso com vocês. Peguei a covid", contou em stories no seu Instagram.

Em seguida, Taís Lopes prosseguiu: "Comecei os sintomas no fim de semana. Achava que era uma rinite, uma gripe, resfriado, por conta da mudança de tempo em São Paulo, mas não. Ontem eu pedi o paladar, o olfato, também, e achei estranho."

"Fiz o teste e saiu o resultado. Testei positivo. Mas, enfim, é isso, né? Aquele tipo de notícia que a gente nunca quer dar. Estou bem. Não estou com falta de ar, não estou com cansaço, também", continuou.

VEJA TAMBÉM: Personalidades que contraíram o novo coronavírus

Mario Anzuoni / Reuters
Ver Galeria 47

47 imagens

"Estou sendo acompanhada por um médico. Agora é ficar isolada, longe da família, longe dos amigos, e tentar comer mesmo sem sentir o gosto das coisas, o que para mim está sendo a pior parte", lamentou Taís Lopes.

"E o mais importante: agradecer a Deus pelos sintomas leves. Tantas pessoas passaram por situações piores do que a minha. Por isso, a palavra é gratidão! E também reforço minha solidariedade aos uqe perderam pessoas queridas por causa da covid", concluiu a jornalista da CNN Brasil.

VEJA TAMBÉM: CNN Brasil - apresentadores e jornalistas contratados pelo canal - como Taís Lopes

CNN Brasil / Divulgação
Ver Galeria 19

19 imagens

Outros nomes do canal também já contraíram a doença ao longo dos últimos meses, como Mari PalmaLuciana Barreto e Daniel Adjuto.

Estadão buscou contato com a CNN Brasil a respeito dos diagnósticos de covid-19 e possíveis alterações ou substituições na programação, mas não recebeu retorno até a publicação desta reportagem.