Do mar ao céu: tons de azul são eleitos cores do ano por marcas de tinta

Ana Lourenço - O Estado de S. Paulo

Para 2020, Sherwin-Williams, Suvinil e Coral apostam na cor calma e relaxante

Tons de azul foram eleitos pelas grandes marcas como Cor do Ano de 2020. Tonalidade transmite relaxamento e desprendimento das tecnologias atuais

Tons de azul foram eleitos pelas grandes marcas como Cor do Ano de 2020. Tonalidade transmite relaxamento e desprendimento das tecnologias atuais Foto: Renato Navarro

É impossível negar o poder de uma cor. Apesar de todo simbolismo que ronda a forma dos objetos, as cores dão vida a cada item da decoração, garantindo alegria e contraste nos ambientes. Por isso mesmo, determinar a cor de um ano é assunto sério para as marcas de tintas. E aparentemente, todas chegaram a uma só conclusão: azul. A cor conhecida por sugerir calma e relaxamento foi a aposta das marcas Sherwin-Williams, Suvinil e Coral para 2020. 

"Nos últimos 10 anos, vimos a cor caminhar de tons frios em direção a tons de neutros mais calorosos, passando pelos terrosos e agora estamos de volta ao  azul. Na próxima década, as combinações chave incluirão cada vez mais as cores presentes na natureza, inspirações em pedras e recursos naturais, materiais sustentáveis, além do preto, branco e azul marinho para um visual atemporal" afirma Patrícia Fecci, especialista em cor e tintas, Vice-presidente da Procor e membro Color Marketing Group.

"Estamos entrando em 2020 repensando nossos valores, buscando novas formas de relacionamento com o mundo e de equilibrar nosso bem-estar com a tecnologia que nos cerca. Estamos em constante estado de mudança e, ao ressignificar nossas vidas, procuramos contemplar nossos desejos, entre eles a necessidade de relaxamento. Daí a cor", analisa Juliana Hosken, diretora de Marketing da Suvinil.

Confira os três tons escolhidos: 

Naval, da Sherwin-Williams

Naval, da Sherwin-Williams

Naval, da Sherwin-Williams Foto: Sherwin Williams

Um tom de azul-marinho foi eleito favorito pela empresa Sherwin-Williams. A Naval SW 6244 é um azul rico em inspirações marinhas que encontra o equilíbrio entre a calma e a ousadia. 

De acordo com os representantes, a cor é muito mais do que um componente estético em um espaço, mas sim um claro indicador de como você se sente nele. "Naval é uma reminiscência do céu noturno, onde há séculos as pessoas se guiavam para obter orientação, admiravam e contemplavam", afirma Patrícia Fecci, gerente de marketing para serviços de Cor & Design das tintas Sherwin-Williams.

Com inspiração no apogeu do estilo Art Deco no anos 20, Naval combina com mármore, metais diversos, materiais naturais como o couro, além de ajudar a destacar itens de design. Versátil, a cor serve como segunda plano ou pode desempenhar papel de protagonista. 

Mantra, da Suvinil

Mantra, da Suvinil

Mantra, da Suvinil Foto: Renato Navarro

Já a Suvinil, definiu a Mantra como cor de 2020. De acordo com a empresa, escolher somente um tom para um mundo em constante mudança como o nosso era muito pouco, por isso Mantra é uma nuance inédita de verde azulado que se dilui em outros dois subtons: Horizonte e Contemplação. E justamente por trazer os sentimentos que levam o nome, foi apelidada de Mantra. 

Além da cor 2020, o estudo Suvinil Revela 2020, traz 35 tonalidades para compor a cartela de combinações do ano que vem chegando, dividido nos temas: repenso, adapto e equilibro. 

A ideia é refletir na questão “O que é casa para você hoje?”. De acordo com os representantes, antigamente o valor das coisas estava na praticidade ou na estética. Hoje, os objetos são avaliados pela ética e história que cada peça carrega. Por isso o azul, sinônimo de liberdade e, por se tratar de uma nuance, de mutação.

Praça no Inverno, da Coral

Praça no Inverno, da Coral

Praça no Inverno, da Coral Foto: Coral

Um tom delicado entre o verde, o azul e o cinza compõe a Praça no Inverno, cor do ano para 2020 de acordo com as tintas Coral. 

Com o avanço da tecnologia, aspectos da vida moderna que nos desconectam dela ganham importancia. Trazendo consigo um desejo de cuidar mais de si mesmo, dos outros e da natureza.  

"Buscamos espaços onde podemos contemplar nosso futuro, considerar nosso propósito no mundo, locais onde nos conectamos com amigos, família, nosso meio e a natureza. Onde possamos nos expressar e ser nós mesmos. Azul tem tudo a ver com esta sensação", explica Fernanda Figueiredo, gerente de cores e comunicação de marca da área de Tintas Decorativas da AkzoNobel na América do Sul.