Ao fim do findi feliz satisfeito e cansado de volta ao meu trabalho só tenho pensado nela na arte na parte que me toca e espanta, que me leva eleva enleva e me encanta. Eis Arnaldão de volta ao Estadão, ao plantão e ao seu trabalho na diagramação. Em sua mente de homem comum (mas ninguém é só mais um!) ainda reluzem as imagens, reverberam os cantos e ecoam as palavras vivas dos amigos e artistas alternativos. Daqui ainda me é possível ouvir as muitas músicas e poesias da folia de sábado no Show da Maria. E as pérolas finas da lourençaria de Lou. E as canções que Rita Beneditto cantou em seu belo show. E o hino aos direitos humanos do clipe ‘Manifestação’. Ouço o brado de luta e o brinde pelo niver do menino-poeta Rubão. E louvo o Festival Plur, o Junho Folk, a Confaca na tevê, os três dias da Feira de Teatro da Cia Antropofágica. E as vozes das poetas do livro coletivo ‘Damas Entre Verdes’, que estarão no Sopa de Letrinhas, nesta sexta. É poesia na veia. É um movimento acontecendo. Estamos todos resistindo indo indo indo. Acho lindo: profunda e verdadeiramente, é o que sinto.

Eu já me perguntei
Como a gente vai ser brasileiro
Não abrace o desdém
Muita gente não gosta daqui
Nada será mais como era antes.

É melhor me abraçar que dar tiro
E quem nunca beijou
Uma boca qualquer
Uma boca de gente
De homem, mulher
Quem nunca amou
É melhor que não fale nada
Nada será mais
Como era antes
Nada

 

… … …

III FEIRA ANTROPOFÁGICA DE OPINIÃO

… … …

QUINTA-FEIRA A SÁBADO – 31 de maio a 2 de junho – das 14h às 22h … A Companhia Antropofágica de Teatro ocupa a Oficina Cultural Oswald de Andrade com um grande festival que reúne mais de quarenta coletivos culturais e grupos teatrais brasileiros para refletir artisticamente sobre a situação atual do Brasil. Serão três dias de festival com intervenções artísticas de diversas linguagens. Entrada franca. Na rua Três Rios, 363, no Bom Retiro. Inscrições e mais informações no contato@antropofagica.com. Veja a programação:

31 de Maio – Quinta-feira

14h … Mesa de Abertura com Dulce Muniz e Convidados
15h20 … Cia Canina – Teatro de Rua e Sem Dono
16h … Cia Teatro dos Ventos
16h40 … Companhia Estudo de Cena
18h … Coletivo Zagaia – Zagaia em Revista
18h40 … Cia Estável de Teatro
19h20 … Cia Teatral Os Satyros
20h … Arlequins Grupo de Teatro
20h40 … Cia. Les Commediens Tropicales
21h20 … Grupo Elaine Guimarães

1 de Junho – Sexta-Feira

14h … Teatro da Neura
14h40 … Refinaria Teatral
15h20 … Mamulengo da Folia
16h … Cia. Teatral Boccaccione
16h40 … O Buraco d’Oráculo
18h … Grupo Alípio Freire e Cassio Brasil – Coletivo Mirante
18h40 … Grupo Pandora de Teatro
19h20 … Nucleozonaautônoma
20h … Companhia dOs Inventivos
20h40 … Coletivo de Galochas
21h20 … Quem Nós?

2 de Junho – Sábado

14h … Mesa de Abertura com Thiago Reis Vasconcelos (diretor da Cia Antropofágica)
15h20 … Cia. Teatro Documentário
16h … Grupo Rosa Dos Ventos
16h40 … Xingó
18h … Coletivo Tela Suja Filmes
18h40 … A Próxima Companhia
19h20 … Folias D’Arte – Galpão do Folias
20h … Grupo Clariô de Teatro
20h40 … Cia Antropofágica, Brava Companhia, Dolores Boca Aberta, Engenho Teatral, Companhia do Feijão, Grupo Redimunho de Investigação Teatral e Kiwi Companhia de Teatro.

 

… … …

LOURENÇA LOU, POETA
EQUILIBRISTA E PONTIAGUDA

… … …

A grande poeta mineira Lourença Lou, de quem sou muito fã, lançou no ano passado ‘Pontiaguda’ (Editora Penalux), livro delicioso que tive o prazer de ler e prefaciar. De tanto comentar no Facebook, acabei esquecendo de falar dele aqui no blog (falha lamentável que demorei a perceber e que hoje tento redimir). Amigos e escritores (capitaneados pelo poeta José Couto) postaram vários vídeos com declamações dos poemas de ‘Pontiaguda‘ no Youtube. Publico dois desses vídeos (um com Chris Herrmann, outro com Francisco Xavier) e meus dois poemas preferidos do livro, além do texto que escrevi inspirado na literatura de Lou. Ouça, leia, saboreie:

pontiaguda

por entre os lençóis
pensamentos inquietos
segredam debaixo do vestido
um caso de amor

nas janelas
a transparência do vento
(moldando vidros e tecidos e esperanças)
recria o imaginário

a vida
ignorando espinhos
floresce as veias mortas
e incita-me
ao incontrolável
:
quebrar redomas
e ressurgir pontiaguda de mim.

sob céus de nimbus

às vezes meu tempo fecha
perco-me em sensibilidades
tudo me atinge
tudo me fere
tudo me cala
nua
entrego-me às precipitações
enquanto me agarro
à promessa
que eu mesma me faço:
no dia em que a palavra
apagar os relâmpagos
costurarei os pulsos
outra vez serei salvação.

Inspirado pelos poemas de Lourença Lou, escrevi:

‘Pontiaguda’ é fina lourençaria*

não sei fazer resenha. não escrevo por encomenda, nem pra amigo. não consigo. só o que me inspira vira palavra cá. mas essa lourença é de lascar. pesada de desejos e persegue sabiás. parece linho nobre mas é lixa com os medíocres. cospe, esculpe, escreve,’verve’ a poesia crua que delira. a que te cura e consome: teu nome tua fome e esquecimento. lourença mutante apresenta seus muitos sobreviventes. há dúvida e fúria em sua saliva. ela beija na boca de cada sílaba. tem gosto de gozo o verbo que pronuncia. ninguém mandou se meter na poesia – essa história que te escreve a cada linha com tua própria caligrafia. sua fina lourençaria. a salva de palavras costura mundos em seu silêncio. o que é e o que (não) poderia. sua pessoal tabacaria. não conceder (se puder). só ser ser ser implacável quando sonha e manter ter ter a ternura cotidiana. criar ecos elos espelhos paralelos entre olhares tão diversos. enquanto fogem múltiplos os versos controversos para além dela e de mim. infinitos de si. cutucam tanto quanto afagam. esmagam tal e qual libertam. lourença inquieta vive à cata labuta e laça a palavra sólida exata. pega desassossega descabela ela. sintaxeia sexoversa gramatica de atitude. pontiaguda talhaletra cortalinha. ilusioneia. se arrisca. é só para os fortes esse esporte que pratica. na profunda poesia só poexiste quem mete a língua no abismo tira as rimas do tédio desusa o siso dá susto nos sentidos. o tempo que tudo atravessa tropeça na insólita presença dos versos que lourença metadentra e metafora. que a fera lourença pontiaguda corta. e se corta e se fere escreverve escrevive. e é lá no livrolivre que sua palavra respira. intensa ofegante ostenta suas feridas. ela me inspira.

* lourençaria (lou.ren.ça.ri.a) s.f. – 1. diz-se de poesia inventiva e pontiaguda que respira e inspira. 2. ao estilo poético de Lourença Lou

Lourença Lou é formada em Letras, pós-graduada em Educação e Administração Escolar, trabalhou como professora, coordenadora e diretora de escola de ensino fundamental e médio. Foi presidente de cooperativa educacional e consultora cooperativista. Atualmente é administradora de empresa, poeta, contista e cronista. Já participou de várias coletâneas de poesia e de contos, de sites de crônicas e revistas literárias. Lançou também o livro de peomas ‘Equilibrista‘, em 2016. ‘Pontiaguda‘ tem textos de apresentação da poeta e professora Lilian Brando Garcia Mesquita e do escritor e artista plástico Arthur Madruga, além de um lindo poema dedicado à Lou, feito pelo crítico literário e escritor Paulo Bentancur (falecido precocemente).

 

… … …

JUNHO FOLK NO
TEATRO DA ROTINA

… … …

E olha o Teatro da Rotina aqui de novo, gente! Parece introdução de sambão, né? Mas é que a programação do TR sempre surpreende e cá estamos nós divulgando merecidamente os eventos legais deste espaço de resistência da arte alternativa, coordenado pelo ator Leonardo Medeiros e que tem na jornalista Bijou Monteiro sua curadora musical. A partir do dia primeiro de junho o TR apresenta o projeto ‘Junho Folk’, com shows às quartas, quintas, sextas e sábados. Ingressos a R$40 (na porta) e R$20 (antecipado, no site). Sempre às 21h, na Rua Augusta, 912. No cartaz (acima), a programação completa. Nesta semana tem:

• 1 de junho – sexta-feira – Tuia e Tavito
Músicas de Tuia como “O Céu” e “Flor”, terão a participação do grande Tavito, autor de clássicos como “Rua Ramalhete”, “Casa no Campo” (com Zé Rodrix) e “Começo, Meio e Fim”. Com banda de folk rock (bateria, baixo, guitarra e bandolim).

• 2 de junho – sábado – Horses & Joy
O duo formado por Beatriz Tucci e Felipe Duarte se inspira no folk das décadas de 60 e 70. Com trabalho autoral e elogiadas harmonias vocais.

• 6 de junho – quarta-feira – Tchello Palma
No show “Folks”, as canções de artistas que o influenciaram, músicas de seu primeiro disco e algumas inéditas. Participação de Sabrina Wilkins (percussão, violão e vocais).

E fique ligado: semanalmente eu vou divulgar os shows e apresentar os artistas. Ah… e como já é quase inverno, é bom você saber que o barzinho da casa bolou um cardápio especial de sopas e antepastos. Mnhamm mnhamm… vai lá, meu filho, vai lá!

 

… … …

CONFACA, AGORA NA TV

… … …

Há algum tempo divulgo os eventos da Confraria de Compositores de Canções, a Confaca. O objetivo do grupo é criar um ambiente onde os autores de canções (música e letra) possam se encontrar, mostrar suas composições, falar sobre o processo de criação, trocar experiências e fortalecer a produção autoral em São Roque e região.

Agora eles estreiam o ‘Programa TV Confaca‘, apresentando as mesmas ideias de divulgar os artistas da região, mas usando a mídia eletrônica e as redes sociais para conseguir um alcance maior. O programa, quinzenal, terá sempre um compositor convidado falando sobre seu trabalho, tocando suas canções e interagindo com o público presente. Será transmitido ao vivo pelo Facebook, diretamente da Casa Rosa Manjericão (à rua Antonio Cavaglieri, 15, em São Roque) e também será postado no canal do grupo no Youtube, para compartilhamentos. Boa sorte ao Edson D’aísa, ao João Bid, ao Eduardo Issa Ramalho, à família Pezzotta e a toda a turma da Confaca. Em breve, posto aqui a estreia deles na tevê.

 

… … …

FESTIVAL PLUR,
EM GUARULHOS

… … …

SÁBADO E DOMINGO – 2 e 3 de junho – das 8h às 22h … PLUR Festival – Praticando a Paz Interior … Festival aberto ao público, sem fins lucrativos, em parque público arborizado, tem como objetivo difundir a conscientização sobre o cuidado com o meio ambiente, segurança no sexo, tolerância às classes LGTB, educação e respeito às minorias e orientações sobre redução de danos e auto-sustentabilidade. Clique no cartaz para ler melhor a programação:

PLUR é a sigla para ‘Peace, Love, Union, Respect’. O evento oferece espaço para crianças e oficinas diversas, intervenções artísticas focadas no tema PLUR, 45 djs com estilos e vertentes diversas, decoração temática, live painting, oficina de alimentação saudável, feira mix, apresentação de coletivos zen e holístico, roda de mantra e danças étnicas. Entrada franca. Leve 1k de alimento não-perecível ou agasalho em bom estado. No Parque da Saúde, à rua Iris, 305, em Guarulhos.

 

… … …

SAIU O CLIPE DE
‘MANIFESTAÇÃO’

… … …

“E proclamamos que não 
se exclua nada nem ninguém
senão a exclusão”

Na semana passada eu prometi, então tá aqui: já está disponível na net o clipe “Manifestação“, da canção que Russo Passapusso, Rincon Sapiência e Xuxa Levy fizeram a partir dos 117 versos escritos pelo jornalista e letrista Carlos Rennó e que foi lançada nesta semana, servindo à campanha por direitos humanos da Anistia Internacional. De sua gravação participaram (sem cachê) os artistas Fernanda Montenegro, Ana Cañas, As Bahias e a Cozinha Mineira, BNegão, Camila Pitanga, Chico Buarque, Chico Cesar, Criolo, Ellen Oléria, Filipe Catto, Larissa Luz, Leticia Sabatella, Ludmilla, Luedji Luna, Marcelino Freire, Marcelo Jeneci, Márcia Castro, Paulinho Moska, Paulo Miklos, Pedro Luís, Péricles, Pretinho da Serrinha, Rael, Rico Dalasam, Rincon Sapiência, Roberta Estrela D’Alva, Russo Passapusso, Siba e Xênia França. Direção de João Wainer e Fabio Braga. A Carlos Rennó, a seus parceiros e aos artistas que participam desses projetos solidários em defesa dos excluídos e dos direitos humanos, este blog parabeniza e promete sempre abrir espaço. Essa causa é nossa.

“Cantamos em consonância
Com os que sofrem: ofensa,
preconceito, intolerância,
violência, indiferença;
os Rafaeis e Amarildos
da imensa legião
de excluídos do Brasil”

 

… … …

MINHAS ANDANÇAS
PELOS SARAUS

… … …

RUBENS JARDIM >>> Neste findi, minhas andanças foram assim: saí mais cedo do trampo na sexta para dar um abração no grande poeta e velho amigo Rubens Jardim, que realizou um encontro com outros escritores aniversariantes: Eduardo Lacerda e Rosana Piccolo. O Rubens aproveitou o evento e lançou um novo livrinho, sua ‘Antologia de Poemas Inéditos‘ (à venda por R$10 – mande mensagem in box na página dele). Não cheguei na Patuscada a tempo de vê-lo, mas cumprimentei o Edu, a Pricila e meus queridos Tostes, Wachowicz , Escudeiro, Shirlene e mais um grupo de poetas legais.

BAR DO LÊ >>> Como já era madrugada de sábado, apontei a herética e ereta seta poética para a Vila Maria e corri para o aconchego do meu bar, o Bar do Lê, lendário point onde roqueiros & alternativos variados da ZN se encontram há décadas. Lá rolava um som com Marcus Mendes (de quem já assisti a uma ótima performance de canções do Nirvana) tocando rocks, mpbs e etc & tais. Bati um papo filosófico regado a heinekinhas com minha querida amiga Sara, cumprimentei meus queridos João Augusto (do chapéu) e Jane (do bandolim) e ainda por cima ganhei um cd do Raul Seixas cantando em inglês (cortesia do brother Alexandre Furlani, o popular , que tinha dois e me deu um, assim que me ouviu comentar que estava gostando das versões do Little Raul). Coisas da Vila, minha gente. A gente não quer abafar ninguém, só quer mostrar que faz rock também.

 

SHOW DA MARIA >>> Sábado foi dia de mais uma edição do Show da Maria, com apresentações da banda Jecas Blues e da cantora Beth Avelar, que lançava seu cd ‘Pulsação‘ (leia mais, abaixo). Agradecemos muito aos quase quarenta malucos que desafiaram o frio e a falta de combustíveis pra ir ao Clube Vila Maria assistir aos shows (veja o álbum completo com as imagens de Roberto Candido, o fotógrafo oficial dos saraus). João Marques e Paulo Barroso participaram com Beth em duas canções. Wagner Montagner (no baixo) e Rod Magna Fúria (na batera) acompanharam o cantor e guitarrista Dari Luzio nos rocks and blues. Gersinho Druida cuidou do som (valeu, meu velho!) e a gente saiu de lá misturando a pulsação de Beth com a pegada do Jecas Blues: a cabeça flutuava na poesia e o pé batucava e esquentava o chão da metrópole fria. É assim que é (lá na nossa Vila).

RITA BENEDITTO >>> No meu tradicional domingão sem Faustão nem fut na televisão, saí correndo em cima da hora pra não perder o show de Rita Beneditto no Sesc Vila Mariana (esse horário de 18h é cedo demais!). A cantora, a mesma que atendia por Rita Ribeiro, desfilou um maravilhoso repertório de canções ultrapoéticas acompanhada pelo grande violonista Jaime Alem, no show ‘Suburbano Coração‘. Canções de Zeca Baleiro, Marlui Miranda, Tetê Espíndola, Antonio Vieira e outros craques. ‘Sal da Terra’ (de Beto Guedes) falava sobre ‘o mais bonito dos planetas, maltratado por dinheiro’. ‘No Tempo dos Quintais’ (de Sivuca) canta um tempo em que ‘o medo se tornou jamais’. Já conhecia e admirava as qualidades artísticas de Rita. Mas o alcance de sua voz, a segurança de seu desempenho e seu carisma contagiante estão no auge. E ela nem interpretou ‘Há Mulheres‘, ‘Românticos‘, ‘Contra o Tempo‘, ‘Pensar em Você‘ e ‘Lenha‘, seus hits que eu adoro. Mas era tanta beleza e poesia que nem eu, nem ninguém, ousou pedir. Já estávamos saciados de felicidade. Saí pela cidade com vontade de beijar e abraçar a humanidade. Parei num bar, e fiquei por lá, tomando umas e refletindo à toa. Ai ai ai, que coisa boa!

Lançamento do cd Pulsação, de Beth Avelar A cantora, que se apresentou sábado passado no Show da Maria (ver matéria, acima), lançou o disco que já está disponível tanto no formato físico (pela Tratore, nas principais lojas e direto com a artista pelo e-mail bavelar@uol.com.br) quanto no digital (nas plataformas Spotify, Deezer, Apple e Itunes). Veja também o videoclipe da música Simplesmente (do grande Paulinho Nogueira) no Youtube e Facebook.

 

… … …

QUEM MATOU MARIELLE?

… … …

MAIS UMA SEMANA SE PASSOU >>> No dia 14 de março (há onze semanas), a vereadora Marielle Franco (PSOL), de 37 anos, foi assassinada no bairro da Lapa, no Rio. Ela era relatora da Comissão dos Direitos Humanos que acompanhava a intervenção militar no RJ. Havia feito denúncia contra abusos policiais e voltava de um evento com jovens negras quando foi baleada. Anderson Gomes, motorista do carro em que ela estava, também foi executado. Protestos e manifestações contra o bárbaro crime se repetem diariamente em várias cidades brasileiras. Marielle lutava por justiça, inclusão e igualdade de direitos. Defendia as causas que todos nós, artistas e coletivos dos saraus, também defendemos. Este blog continua aguardando o esclarecimento do caso e a punição dos assassinos. As balas que a mataram também atingem a todos nós. Não podemos nos calar.

Há três semanas veio a público o depoimento de um delator que acusou um vereador, um miliciano e um PM. Eles negaram participação no crime e as investigações continuaram. Na terça, policiais da Delegacia de Homicídios do Rio prenderam Thiago Bruno Mendonça, conhecido como Thiago Macaco, de 33 anos. Thiago é acusado de matar Carlos Alexandre Pereira Maria, o Cabeça, colaborador do vereador Marcello Siciliano (PHS). Suspeita-se que ele tenha participado também do assassinato de Marielle. Até quando vou ficar semanalmente repetindo esse texto aqui?. Queremos a resposta: quem matou Marielle?

 

… … …

AGENDÃO

… … …

Eis aqui a superagenda dos saraus para o seu findi, com fotos e vídeos (clique nas palavras azuladas para acessar links e nos cartazes para ampliar a imagem e ler detalhes). Acompanhe também as muitas opções contidas na página da Agenda da Periferia. Informe-se, inconforme-se, atue e divirta-se!

 

… … …

QUINTA-FEIRA – 31 de maio – 11hA cantora Iá se apresenta em frente ao Edifício Gazeta. No repertório, canções autorais e releituras de Lenine, Caetano Veloso, Lulu Santos e Red Hot Chilli Peppers.

… … …

QUINTA-FEIRA A SÁBADO – 31 de maio a 2 de junho – das 14h às 22h … A Companhia Antropofágica de Teatro ocupa a Oficina Cultural Oswald de Andrade com um grande festival que reúne mais de quarenta coletivos culturais e grupos teatrais brasileiros para refletir artisticamente sobre a situação atual do Brasil. Serão três dias de festival com intervenções artísticas de diversas linguagens. Entrada franca. Na rua Três Rios, 363, no Bom Retiro. Inscrições e mais informações no contato@antropofagica.com.

… … …

QUINTA-FEIRA – 31 de maio – 15h … Marimbondo Sound System (Fred Lima, Theo Werneck, Tutano Nômade e Pedro Barreira) apresenta seus grooves, levadas nordestinas, brega, soul brazuca e o que mais der na telha. Com participação de Rodrigo Bento. No Bar do Gê, à rua Caetés, 509.

… … …

QUINTA-FEIRA – 31 de maio – 20h … Quinta Cunhã com Marilia Calderon … Cantora e autora ligada ao teatro e à arte de rua, apresenta suas canções com violão, acordeon, e acompanhada por Paula Duarte (flauta transversal e voz) e Kbça (percussão). Quinta Cunhã no Tucupi, à rua Major Maragliano, 74, na Vila Mariana. Couvert R$15.

… … …

QUINTA-FEIRA – 31 de maio – 20h30 … Carlinho Motta – Entre o Samba e a Bossa … Cantor e compositor carioca faz apresentação intimista com releituras de clássicos do samba, da bossanova e da mpb. No Brazileria, à rua Clélia, 285. Entrada R$20 e R$15.

… … …

QUINTA-FEIRA – 31 de maio – 23h59 … Programa Sons do Brasil, de Serginho Sagitta, recebe o duo Ligia Regina & Eder Lima, que fala sobre sua trajetória musical até o lançamento do cd ‘Pisagens‘. Na Rede USP de Rádio 93,7 para São Paulo, 107,9 para Ribeirão Preto e pelo www.jornal.usp.br/radio

… … …

SEXTA-FEIRA – 1 de junho – 20h … Sopa de Letrinhas Sarau … Sarau apresentado pelo poeta Vlado Lima tem palco aberto e convidados (clique no cartaz). Lançamento do livro ‘Damas Entre Verdes’, do selo Senhoras Obscenas, com participação das escritoras Maiara Gouveia, Paula Valéria Andrade, Beatriz Di Giorgi, Fatima Freitas, Marcia Barbieri, Sonia Nabarrete, Branca Lescher, Flá Perez, Karine Kelly Pereira, Lilian Sais, Yara Darin e Vanessa Carvalho. Pocket-show de abertura com a banda Clarena. Com brindes para as melhores performances e sopa ‘de verdade’ depois da meia-noite. No Julinho Clube, à rua Mourato Coelho, 585, na Vila Madalena.

… … …

SEXTA-FEIRA – 1 de junho – 20h … Giba Ribeiro toca o melhor da mpb … No repertório, Cartola, Lenine, Raul, Legião, Djavan, Caetano, Chico, Gil, Capital, Barão, Tim Maia, Marisa Monte e muitos outros. No Carauari Bar e Mercearia, à praça Carauari, 8, na Vila Maria.

… … …

SEXTA-FEIRA – 1 de junho – 21h … Tuia e Tavito … Músicas de Tuia (como “O Céu” e “Flor”) terão participação do grande Tavito, autor de clássicos como “Rua Ramalhete”, “Casa no Campo” (com Zé Rodrix) e “Começo, Meio e Fim”. Com banda de folk rock (bateria, baixo, guitarra e bandolim). No Teatro da Rotina, à Rua Augusta, 912.

… … …

SEXTA-FEIRA e SÁBADO – 1 e 2 de junho – 21h … Rolex … Comédia tipo ‘besteirol’, tem texto e direção de Mário Bortolotto. No elenco, Eldo Mendes, Carolina Cardinale, Alexandre Tigano, Marcos Amaral (Arroba), Guilherme Lorandi e Paulo Jordão (Deus). Ingressos a R$40 e R$20. No Teatro Cemitério de Automóveis, à rua Frei Caneca, 384.

… … …

SEXTA-FEIRA – 1 de junho – das 22h às 3h30 … ‘Quarteto na Imenda’ abre as Festas Juninas do CCB. Entrada franca. No Centro Cultural Butantã, à av. Corifeu de Azevedo Marques, 1882.

… … …

SEXTA-FEIRA – 1 de junho – das 22h às 3h30 … Banda ‘Os Coronel Parker’ traz para ‘o Brazil o show que parou Muzambinho e deve abrir a proxima edição do Oscar’ (só que não). No Inferninho Familiar do Centro Lirico & Literário IX de Novembro, à rua Cel. José Eusebio, 109.

… … …

SEXTA-FEIRA a DOMINGO – 1 a 3 de junho … Cordel Do Fogo Encantado … Depois de oito anos, a banda do vocalista e poeta Lirinha volta aos palcos e lança o quarto disco, Viagem ao Coração do Sol, produzido por Fernando Catatau. No Sesc Pinheiros, à rua Paes Leme, 195.

… … …

SÁBADO E DOMINGO – 2 e 3 de junho – das 8h às 22h … PLUR Festival – Praticando a Paz Interior … Festival aberto ao público, sem fins lucrativos, em parque público arborizado, tem como objetivo difundir a conscientização sobre o cuidado com o meio ambiente, segurança no sexo, tolerância às classes LGTB, educação e respeito às minorias e orientações sobre redução de danos e auto-sustentabilidade. O evento oferece espaço para crianças e oficinas diversas, intervenções artísticas, 45 djs com estilos e vertentes diversas, decoração temática, live painting, oficina de alimentação saudável, feira mix, apresentação de coletivos zen e holístico, roda de mantra e danças étnicas. Entrada franca. Leve 1k de alimento não-perecível ou agasalho em bom estado. No Parque da Saúde, à rua Iris, 305, em Guarulhos.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – das 14h às 22h … 1º Feira Ideal … Feira procura valorizar a cena da produção e circulação de auto-publicações, editoras independentes e produções em pequena escala para fomentar a economia criativa e sustentável local. Com 10 expositores artistas, lançamento de livro, 2 editoras independentes, música, drinks & comidinhas e saldão de obras de arte da galeria Ponder70, que criou o evento (leia mais no cartaz). Entrada franca. Na Travessa Ponder, 70, no Paraíso.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 16h … Conte Outra Vez … Parlendas, cantigas e três histórias: Maria borralheira, O homem do Saco e o Marido da mãe d’água. No final, o boneco do Mapinguary, com música e movimento. No Centro Cultural da Penha, no Largo do Rosário, 20, na Penha.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 18h … Lançamento do livro ‘Maloca’ – de Rafael Carnevalli … Movimento Aliança da Praça – M.A.P, convida para o lançamento de Maloca, terceira publicação do escritor/poeta/educador Rafael Carnevalli (Amador – 2015 e Amadorzine – 2018). No evento, apresentado pelo poeta Escobar Franelas, ainda tem espetáculo de stand-up com Rogério Gonçalves, shows de Luck Vas e Banho de Cuia. Na av. Tenente Laudelino Ferreira do Amaral, 487, na Vila Jacui.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 19h … Escotilha … A casa traz a banda Luneta Vinil e a cantora Niní Gallón, além de artistas da nova mpb e world music. Ingressos R$15. Com serviço de comidinhas bebidinhas. O endereço é divulgado inbox para quem fizer reserva aqui.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 19h … ‘A Diáspora Africana no Brasil: entre números, biografias e a sala de aula’ … Curso ministrado por Bruno Véras, responsável pela tradução da única autobiografia (que se tem notícia) de um africano escravizado no Brasil. Grátis. Rua Álvaro de Carvalho, 177.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 20h … Obinrin Trio + jam … Trio formado por Elis Menezes, Lana Spada e Raissa Spada, o grupo foca em ritmos brasileiros e letras de amor e luta. Depois do show, jam aberta aos músicos que chegarem (leve instrumento). Entrada R$10. Na Casa do Mancha, à rua Felipe de Alcaçova.

… … …

SÁBADO e DOMINGO – 2 e 3 de junho … Ribanceira – com Antonio Ginco … A peça tem texto de Aramyz, direção de Maria Basilio e uma emocionante atuação do ator e poeta Antonio Ginco. O espetáculo conta com projeções e jogo de luz que dinamizam as cenas. Último fim de semana: sábado às 21h e domingo às 20h. Ingressos R$25 e R$50. No Espaço Cia da Revista, à alameda Nothmann, 1135, entre as estações Santa Cecília e Marechal Deodoro do metrô.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 21h … Horses & Joy … O duo formado por Beatriz Tucci e Felipe Duarte se inspira no folk das décadas de 60 e 70. Com trabalho autoral e elogiadas harmonias vocais. No Teatro da Rotina, à Rua Augusta, 912.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 20h … O Bonde de Maria Leite … Show é um compilado dos dois álbuns autorais da ‘cantautora’, ‘Confessional Urbano’ e ‘O Bonde’. Além das composições, Maria Leite (voz e violão) faz releituras de canções que a influenciaram. Com Felipe Brandão ao piano. Ingressos a R$20. No Espaço Zona Franca, à rua Almirante Marques Leão, 378, na Bela Vista.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 21h … Negros e Alvos – espetáculo … O espetáculo Negros e Alvos destaca a importância da contribuição negra na formação cultural do povo brasileiro. As canções, originalmente compostas para teatro, ganharam vida própria e viraram show. Concepção e produção de Monahyr Campos e Barbara Ivo. No Lapeju Bar, à rua Frei Caneca, 892.

… … …

SÁBADO – 2 de junho – 22h … EntreLatinos – no Bar Exquisito … Projeto musical resgata o canto popular latino-americano. A banda é formada por Ana Maria Stinghen (bombo legüero, tanajura, efeitos sonoros e maracas), Francisco Prandi (voz, violão, cuatro, charango, viola caipira e guitarra), German Rojas (voz, viola caipira, violão, quena, charango, guitarra e zampoña) e Pepe Salazar (voz, violão e flauta transversal). Couvert R$12. Na rua Bela Cintra, 532.

… … …

DOMINGO – 3 de junho – 11h … Música no MCBDuo Jobiniando (formado pela cantora Hilda Maria e pelo pianista Luciano Ruas) e Paulo Serau (ao violão) fazem o show ‘De Gonzagão a Dominguinhos‘. No repertório canções como Asa branca, A vida do viajante, Qui nem jiló, Assum Preto, Gostoso demais, De volta pro meu aconchego, Lamento Sertanejo e Eu só quero um xodó. Entrada franca. No Museu da Casa Brasileira, à av. Brig. Faria Lima, 2705, perto da estação Faria Lima do metrô.

… … …

DOMINGO – 3 de junho – 14h … Não Se Avexe Não … Show promovido pelo Karamujo Cultural traz Marcy Santtos, Guilherme Papini e Os Passageiros. Entrada franca. Sempre no primeiro domingo do mês. No Parque Onofre Miranda Neto – AJUF, à rua Luiz Silvestri, em Guarulhos.

… … …

DOMINGO – 3 de junho – 16h30 … Duas Casas – no Sesc Vila Mariana … O duo formado por Bezão (Folk na Kombi) e Nô Stoppa apresenta seu repertório de baladas e levadas folk. Entrada franca. No ‘quintal’ do Sesc, à rua Pelotas, 141.

… … …

DOMINGO – 3 de junho – 17h … Sarau da Casa Florida – Arte Seja Como Flor … Primeiro encontro de artistas para uma noite de histórias, solos de dança, performances e música, além de uma culinária muito especial. Com a artista visual Ana Teixeira, o dançarino Val Ribeiro, o multiartista Cristiano Meirelles, as histórias de Sirlene Giannotti, Madalena Monteiro e Urga Maira Cardoso, a exposição dos bonecos da Lelê de Pau e Pano e uma culinária especial preparada por Andrea Soares e Leandro Medina (que também será o apresentador). Na parte musical, Renata Jambeiro, Raphael Gomes e Italo Agno. Entrada R$25. À rua João Gomes Júnior, 639, no Butantã.

… … …

DOMINGO – 3 de junho – 18h … Mahatma Groove no Sagrada … Jazz-rock e as pickups de Birão Ramin. Até às 20h, entrada franca. Depois, R$5. Na antiga Casa Matahari que agora atende pelo nome de Sagrada à rua Silva Bueno, 493.

… … …

DOMINGO – 3 de junho – 19h30 … Vinicius – Poeta SocialJean Garfunkel, Roberto Ascar e Tin Urbinatti apresentam o espetáculo poético-musical em que mostram o Vinicius revolucionário, inconformado com injustiças e tiranias. Ingressos a R$35. No Bar do Alemão, à av. Antártica, 554.

… … …

DOMINGO – 3 de junho – 20h … Rodrigo Ciampi e banda apresentam as músicas do cd ‘Girada‘ no Espaço Clariô de Teatro. Com Bá Moraes, Camila Trindade, Jéssica Melo, Marisa Tatiane, Rafa Bernadete e Sisa Medeiros. Participação das Clarianas.
Na rua Santa Luzia, 96, em Taboão da Serra. Entrada Gratuita (contribuição voluntária).

… … …

SEGUNDA-FEIRA E TERÇA-FEIRA – 4 e 5 de junho – 21h … Teatro – ‘O Escafandro de Pirandello’ … Uma apresentação teatral é interrompida por uma trupe de personagens exóticos vindos de algum lugar no passado. O diretor que apresenta sua obra tenta expulsar os invasores. Os astuciosos personagens acabam por convencer o diretor a encenar sua história. A comédia, baseada no clássico “Seis Personagens à procura de Um Autor”, de Luigi Pirandello, tem adaptação e direção de Leonardo Medeiros. Com Clara Moraes, Diego Monteiro, Juliana Simon, Paula Vilhena, Neto Medeiros e Filipe Peixoto (com mais 3 músicos). A direção musical é de Gustavo Finkler, o cenário de Giorgia Massetani e Alício Silva, figurinos de Nina Maria e a iluminação de Vinícius Ferreira. Sempre às segundas e terças, até 3 de julho. No Teatro da Rotina, à rua Augusta, 912. Ingressos a R$40 e R$20.

… … …

TERÇA-FEIRA – 5 de junho – 19hLançamento – “Nuvem de Terra”, de Plácido Berci … Primeiro correspondente brasileiro no Quênia, autor desmistifica preconceitos sobre “exotismo” do país (veja o vídeo). Na Livraria Saraiva, no Morumbi Shopping. Na av. Roque Petroni Jr, 1089.

… … …

TERÇA-FEIRA – 5 de junho – 21h … Terça em Cena – Teatro … Na terça passada não rolou por causa da crise de combustíveis. Mas nesta terça acontece a 47a. edição do projeto  com montagens de quatro textos curtos (clique no cartaz) interpretados por  Vanessa Bruno, Luciana Caruso, Mário Bortolotto, Rebecca Leão e Ricardo Gelli. No Cemitério de Automóveis, à rua Frei Caneca, 384. 

… … …

QUARTA-FEIRA – 6 de junho – 19h … Lançamento – Granulações, de Anna Monteiro … Narrado alternando as vozes de seus protagonistas, livro conta a história de um casal em crise depois de viver uma grande paixão. O Rio de Janeiro é o cenário da história, quase um terceiro personagem. No evento, bate-papo entre a autora e a escritora Carola Saavedra. O romance estará à venda por R$39. Na Livraria Zaccara, à rua Cardoso de Almeida, 1356.

… … …

QUARTA-FEIRA – 6 de junho – 19h … 4º Cineclube Charada … A Jardim Psicodélico Produções e o Videoclube Charada apresentam sessão de cinema gratuita, com exibição de um filme do acervo da videolocadora. Nesta edição, ‘O Bebê de Rosemary‘, com comentários dos cinéfilos Gilberto Petruche e Ítalo Morelli Júnior. Espaço aberto para quem quiser apresentar seus curtas (contate pelo in box). Na rua José Antonio Fontes, 61, na ZL.

… … …

QUARTA-FEIRA – 6 de junho – 19h30 … Comunidade do Conto … Associação Cultural Literatura no Brasil promove, desde 2010, um grupo de estudos sobre o gênero ‘conto’. Toda primeira quarta-feira do mês escritores e especialistas se reúnem para discutir um tema e escrever um conto baseado no assunto. A atividade é gratuita e aberta ao público. Nesta edição, ‘Violência Doméstica e Contra a Mulher‘, com a presença da professora e especialista Márcia Felipe. No Centro Cultural Francisco Carlos Moriconi, à rua Benjamin Constant , 682, em Suzano.

… … …

QUARTA-FEIRA – 6 de junho – 20h … Projeto ‘Quartas de Tom’ abre espaço para músicos, poetas, performers e bailarinos mostrarem seu talento. No Bossa Zen, à rua José Antonio Coelho, 583, na Vila Mariana.

… … …

QUARTA-FEIRA – 6 de junho – 20h … Tetê Espíndola – na Casa Natura Musical … Cantora apresenta as composições inéditas gravadas em seu novo cd, “Outro Lugar“, intercaladas com sucessos de sua carreira (leia aqui o que escrevi após ouvir o disco). Participação do quarteto de cordas Quintal Brasileiro. Ingressos de R$25 a R$90. Na rua Artur de Azevedo, 2134, em Pinheiros.

… … …

QUARTA-FEIRA – 6 de junho – das 20h às 4hQuarta é Feira com VinilFred Lima segura a pista com discos de música brasileira de todos os tempos, soulfunk, rocks e grooves em geral. Entrada gratuita até 22h (após, R$5). No Bebo Sim, à avenida Professor Alfonso Bovero, 1107.

… … …

QUARTA-FEIRA – 6 de junho – 21h … Tchello Palma … No show “Folks”, as canções de artistas que o influenciaram, músicas de seu primeiro disco e algumas inéditas. Participação de Sabrina Wilkins (percussão, violão e vocais). No Teatro da Rotina, à Rua Augusta, 912.

… … …

QUARTA-FEIRA – 6 de junho – 21hRodrigo Campos & Laura Lavieri … Cantora interpreta sambas e as variadas levadas do compositor. Ingressos a R$35 e R$30 (antecipado). No Bona, à rua Alvares Anes, 43, em Pinheiros.

… … …

ATÉ 4 DE JUNHO >>> O Sesi-SP convoca compositores para a primeira edição do Festival da Canção Brasileira. Os interessados têm até 4 de junho para inscrever uma música inédita e concorrer a prêmios em dinheiro. Valem todos os gêneros e estilos musicais. Os participantes devem ter mais de 18 anos e morar no Brasil. As inscrições acontecem somente via plataforma digital e as canções inscritas deverão já estar registradas, para proteção da obra por meio da Lei de Direitos Autorais. Leia o regulamento no site do festival.

… … …

ATÉ 15 DE JUNHO … Exposição do artista plástico Fabiano Carriero ‘que mistura ingredientes coloridos e brasileiros’. No Canto Madalena, à rua Medeiros Albuquerque, 471.

… … …

ATÉ 16 DE JUNHOPrimeira Quermesse da Estação João Felipe de Artes … Espaço de entretenimento artístico promove festa com brincadeiras, jogos e apresentações musicais. Estrada de Taquacetuba, 54, em São Bernardo do Campo.

… … …

ATÉ 30 DE JUNHO … Exposição ‘Madeira Velha’… O artista sergipano Euflávio Gois Lima, ou Madeirart, participante de saraus e eventos artísticos, expõe seus trabalhos em madeira na Biblioteca Pública Alceu Amoroso Lima, na Rua Henrique Schaumann, 77, em Pinheiros. De segunda à sexta, das 10h às 19h. Sábados, das 9h às 16h e aos domingos das 10h às 14h.

… … …

AGENDÃO >>> Fique ligado, pois o agendão é diariamente atualizado (alguns eventos ainda podem entrar). E toda quinta-feira tem um post novo. 

… … …