'Todo Mundo Odeia o Chris': ator explica final da série e fala sobre possibilidade de reboot

Redação - O Estado de S.Paulo

Tyler James Williams respondeu a perguntas de fãs na semana em que o programa completou 15 anos de sua estreia

Tyler James Williams (Chris) e Terry Crews (Julius) no 1º episódio de 'Todo Mundo Odeia o Chris', exibido em 2005

Tyler James Williams (Chris) e Terry Crews (Julius) no 1º episódio de 'Todo Mundo Odeia o Chris', exibido em 2005 Foto: Reprodução de 'Todo Mundo Odeia o Chris' (2005) / Paramount

O ator Tyler James Williams, protagonista de Todo Mundo Odeia o Chris, usou seu Twitter para falar sobre o aniversário de 15 anos da estreia do programa, completado na terça-feira, 22, e também respondeu a perguntas de fãs sobre o final da série e um possível remake.

"Há 15 anos, esse pequeno programa estreou em uma emissora que nem existe mais. Deu início à minha carreira e a de diversas outras pessoas talentosas. Serei eternamente grato por isso", escreveu.

Segundo Tyler, pelo fato de a maior parte do elenco ter entre 12 e 13 anos de idade, eles poderiam trabalhar apenas nove horas e meia por dia nas gravações, em vez das 12 habituais, por conta da legislação: "O grupo teve que ser mais eficiente que o normal".

Respondendo a algumas das "perguntas frequentes" que recebe dos fãs, afirmou que não tem recordações específicas do que aconteceu em cada episódio de Todo Mundo Odeia o Chris: "Eu não lembro. Nas minhas memórias, é tudo um grande episódio." 

Tyler ressalta que foram gravadas apenas quatro temporadas ao longo de quatro anos, totalizando 88 episódios. Segundo ele, muitos fãs passaram a assistir a série apenas por volta de 2009, e, por isso, tem-se a impressão de que a série ficou mais tempo no ar.

O ator fez questão de valorizar o trabalho de Ali LeRoi, co-produtor de Todo Mundo Odeia o Chris, que é inspirada na história de vida de Chris Rock.

VEJA TAMBÉM: Todo Mundo Odeia o Chris - como estão os atores do elenco 10 anos depois do fim da série

Reprodução de 'Todo Mundo Odeia o Chris' (2005) / CBS | Instagram / @thugginn | Reprodução de 'Todo Mundo Odeia o Chris' (2005) | Instagram / willtylerjames | Reprodução de 'Todo Mundo Odeia o Chris' (2005) | Instagram / @vinman17
Ver Galeria 30

30 imagens

"Chris Rock recebe muito do crédito pelo programa, como ele merece. Mas o homem no chão, todos os dias, tocando a série e fazendo com que ela fosse lendária foi Ali LeRoi. Ele é a resposta para o porquê do programa ter funcionado. É uma lenda", afirmou.

Sobre a possibilidade de um reboot, ou seja, reunir o elenco em novos episódios de Todo Mundo Odeia o Chris, Tyler não descarta a possibilidade, mas afirma que a possibilidade é pequena no momento.

"Tivemos algumas conversas, mas todos nesta foto [elenco] estão muito ocupados. Todos trabalham regularmente, em uma variedade de diferentes mídias, gêneros e emissoras. Continuaremos tentando, mas estou orgulhoso por essa nossa questão de agenda", diz.

Já em relação ao fim da série, que acaba em cena na qual o personagem recebe a nota de um exame durante um jantar com a família, Tyler James Williams explicou: "Sim, ele passa e desiste. Aí começa sua jornada na comédia. O final foi uma paródia quadro a quadro do final de Família Soprano, que também foi ao ar naquele ano".

Outros nomes do elenco de Todo Mundo Odeia o Chris também citaram a data em suas redes sociais. Imani Hakim, a Tonya, irmã de Chris na série escreveu: "Uau... Foram 15 anos... O tempo voa".

Vincent Martella, o melhor amigo de Chris, Greg, publicou quatro stories em seu Instagram relembrando fotos da série, enquanto Tequan Richmond, o Drew, irmão do protagonista, republicou uma postagem falando sobre os 15 anos da estreia em um story.

Confira as postagens de Tyler James Williams sobre Todo Mundo Odeia o Chris: