'Tieta': novela teve diferenças com livro e causou atrito entre Betty Faria e Sonia Braga

André Carlos Zorzi - O Estado de S.Paulo

Baseada em 'Tieta do Agreste', de Jorge Amado, obra estará disponível no Globoplay a partir de segunda-feira, 8; atrizes 'brigaram' por conta de papel em filme homônimo anos depois

Betty Faria como 'Tieta'

Betty Faria como 'Tieta' Foto: Globo / Divulgação

Tieta, novela exibida pela Globo e protagonizada por Betty Faria em 1989, estará disponível no Globoplay a partir de segunda-feira, 8. Será possível assistir novamente à obra de Aguinaldo Silva baseada no livro Tieta do Agreste, de Jorge Amado.

Inicialmente, a Globo comprou os direitos da obra para fazer uma minissérie. Como o projeto foi transformado em novela, ficou a cargo do autor de TV modificar diversos pontos da obra original.

"Se eu não viajasse em cima dos personagens do Jorge Amado, não poderia escrever os 196 capítulos [inicialmente estavam previstos 136] exigidos pela TV Globo. Ainda bem que o Jorge Amado tem espírito democrático", explicava Aguinaldo Silva ao Estadão às vésperas do último capítulo de Tieta, em 1990.

Betty Faria ao lado de José Mayer à época das gravações de 'Tieta'

Betty Faria ao lado de José Mayer à época das gravações de 'Tieta' Foto: Globo / Divulgação

O personagem Arturzinho (Marcos Paulo), por exemplo, alvo de um assassinato que embalou o 'quem matou' do capítulo final de Tieta, sequer existia no livro original, onde seu pai, o coronel Artur da Tapitanga (Ary Fontoura), não tinha filhos.

Diversos papéis também ganharam uma importância na novela que não tinham no livro, como Juracy (Ana Lúcia Torre), que era apenas uma moradora de Santana do Agreste, e Dona Amorzinho (Lília Cabral), uma simples viúva na obra original.

Além disso, houve mudanças no romance entre Osnar (José Mayer) e Tieta, e a valorização de Maria Imaculada (Luciana Braga), que era uma das prostitutas da Casa da Luz Vermelha e, na novela, ganhou destaque por ter sido vendida ao coronel.

VEJA TAMBÉM: Os atores de Tieta 28 anos depois

Acervo Globo
Ver Galeria 29

29 imagens

O triângulo amoroso entre Carol (Luiza Tomé), Modesto Pires (Armando Bogus) e Aída (Bete Mendes) também foi inventado por Aguinaldo Silva, já que na obra de Jorge Amado a esposa de Modesto não se importava com os casos do marido.

Sobre a boa recepção do público à vilã Perpétua (Joana Fomm), Aguinaldo Silva analisava: "Em toda novela é o vilão quem dá certo. O público sempre torce pelos que estão levando alguma vantagem. Mas o público sabe que no último capítulo o vilão vai se dar mal, porque todo folhetim é moralista".

Cena da novela 'Tieta'.

Cena da novela 'Tieta'. Foto: Globo / Divulgação

Em fevereiro de 1991, quando Tieta estava sendo exibida em Portugal, a sensualidade de Betty Faria na trama gerou críticas da Associação Portuguesa de Telespectadores, que pediu que o horário da exibição fosse para depois das 22h. Segundo a entidade, a novela apresentava "uma escala de valores que não é o da maioria dos portugueses".

O filme de Tieta e a 'briga' entre Sonia Braga e Betty Faria

Anos depois, em 1996, foi lançado o filme Tieta do Agreste, que trouxe Sonia Braga como protagonista. 

À época das gravações, a atriz falou ao Estadão sobre o desafeto que teria com Betty Faria pelo fato de ter sido escolhido para interpretar Tieta no cinema. 

Sonia Braga no filme 'Tieta do Agreste'

Sonia Braga no filme 'Tieta do Agreste' Foto: Divulgação

"Os direitos para cinema já haviam sido prometidos a mim. Eu havia ligado para o Jorge e pedido para comprar os direitos antes de a novela ser pensada", contou Sonia Braga.

Segundo a atriz, ela soube que Betty Faria interpretaria Tieta na TV durante uma viagem à Itália, ao lado de Zélia Gattai, Jorge Amado e a própria Betty, que contou a novidade.

"Fiquei surpresa. Na mesma hora, o Jorge segurou minha mão e disse: 'minha filha, a Betty fará a Tieta na televisão'. Sempre admirei a Betty, tenho o maior respeito por ela. Sei que ela ficou machucada, mas acho que ela não foi informada sobre o processo", relembrava.

Sonia Braga também garantia que não havia assistido à novela: "Sempre que vinham falar comigo sobre a novela, pedia para que não contassem nada porque já existia o projeto de fazer o filme. Foi adiado porque o Jorge [Amado] cedeu os direitos para a televisão".

"Todo meu contato com a Tieta da televisão acontecerá no futuro, quando acabar de filmar. Minha referência será a Bahia", continuava, deixando claro que não tinha visto a atuação da colega.

Em entrevista à Época, em 2016, Betty Faria falou sobre a briga com Sonia Braga: "Não somos amigas. Muito pelo contrário, ela não pediu licença para ser Tieta no cinema e isso foi péssimo. Eu fazia turnê na época, e, a cada cidade que chegava, as pessoas comentavam que ficaram indignadas".

Sophia Loren como Tieta

Antes de tudo isso, porém, Tieta poderia ter sido vivida por Sophia Loren. A cineasta italiana Lina Wertmüller chegou a vir ao Brasil para se encontrar com Jorge Amado algumas vezes na intenção de fazer uma adaptação de Tieta do Agreste para o cinema.

"Nem lembro por quê [o filme não foi levado adiante], mas com certeza foi por causa de dinheiro", afirmou Lina ao Estadão em 2015 (leia mais aqui).

Como assistir Tieta no Globoplay

A novela Tieta estará disponível no serviço de streaming Globoplay a partir da próxima segunda-feira, 8. Clique aqui para ler mais informações.

Cassio Gabus Mendes em cena com Betty Faria na novela 'Tieta'

Cassio Gabus Mendes em cena com Betty Faria na novela 'Tieta' Foto: Globo / Divulgação