‘The Vow’: documentário conta história de seita sexual que chegou a Hollywood

João Pedro Malar* - O Estado de S.Paulo

Série com nove episódios foi lançada pela HBO e mostra a atriz Allison Mack, de ‘Smallville’, que foi condenada por extorsão sexual

Allison Mack foi uma das líderes de seita sexual retratada no documentário 'The Vow'

Allison Mack foi uma das líderes de seita sexual retratada no documentário 'The Vow' Foto: Brendan McDermid / Reuters

A HBO lançou neste domingo, 23, o primeiro episódio do documentário The Vow, que mostra o surgimento e características do grupo de autoajuda NXIVM e uma seita sexual que foi descoberta dentro dele. O lado mais obscuro da organização foi revelado em 2017, e terminou na condenação da atriz Allison Mack, de Smallville.

A produção possui nove episódios, lançados semanalmente, e começou a ser filmada em 2017. Ela mostra a tentativa de alguns membros do grupo, incluindo a atriz Bonnie Piesse, que interpretou Beru Lars em dois filmes da saga Star Wars, de sair da NXIVM. 

O documentário busca não apenas explicar a história do grupo, cujo fundador Keith Raniere foi condenado por tráfico sexual em 2019, mas também mostrar o funcionamento da seita, que segundo relatos era formada por mulheres que recebiam marcas na pele, eram proibidas de se alimentar e sofriam punições físicas.

O caso ficou famoso em 2017 e em anos seguintes com a prisão e condenação da atriz Allison Mack, uma das líderes da NXIVM e do culto. Ela confessou ter coagido duas mulheres a praticar serviços depois de ameaçar divulgar informações prejudiciais sobre elas. 

O jornalista Frank Parlato, que chegou a ser porta-voz do grupo, revelou que as mulheres eram marcadas com as iniciais de Allison e Raniere e que cada líder da seita, formada pelos membros mais leais da NXIVM, possuía escravas sexuais. 

*Estagiário sob supervisão de Charlise Morais