Novela é tirada do ar na Índia por mostrar romance entre mulher e menino de 10 anos

Redação - O Estado de S. Paulo

Enredo se tornou polêmica no país, onde o casamento infantil é proibido por lei - mas ainda é praticado por muitos

Na trama, jovem de 19 anos se casa com uma criança

Na trama, jovem de 19 anos se casa com uma criança Foto: Reprodução de cena de 'Pehredaar Piya Ki'/Sony Entertainment Television

Uma novela causou polêmica na Índia, após exibir a história de amor entre uma jovem de 19 anos de idade e uma criança de 10. Pehredaar Piya Ki (‘A guarda do marido’, em tradução livre) gerou uma série de discussões sobre casamento infantil, prática que é proibida por lei no país.

Na trama, Diya (interpretada por Tejaswi Prakash) se casa com o milionário Ratan Maan (vivido por Affan Khan) para cuidar do menino e protegê-lo de parentes mal-intencionados.

Responsável pela novela, o canal por assinatura Sony Entertainment Television retirou a produção do ar após inúmeras críticas. Na internet, uma petição pelo cancelamento da atração atingiu mais de 50 mil assinaturas em apenas 48 horas.

O Ministro da Informação e Radiodifusão da Índia disse que ordenou uma revisão do conteúdo por autoridades independentes do setor de comunicação. “Há um grande número de reclamações sobre o enredo do programa e ele será revisto”, declarou Smriti Irani em nota oficial.

A princípio, a atração foi empurrada para um horário mais tarde na grade de programação do canal, mas depois os produtores decidiram retirar a novela do ar em definitivo.

A idade legal para se casar na Índia é de 18 anos para mulheres e 21 para homens. Apesar disso, o casamento infantil (e ilegal) ainda é praticado em muitas partes do país.

/Com informações da Reuters