Michael Emerson, o Benjamin Linus de 'Lost', explica final da série

- O Estado de S.Paulo

'Todos os personagens da série se reuniram para celebrar o fim da vida', disse o ator sobre o episódio final

O vilão Benjamin Linus em 'Lost'.

O vilão Benjamin Linus em 'Lost'. Foto: Reprodução

Finalmente alguém falou sobre o final de Lost. O ator Michael Emerson, que deu vida a Benjamin Linus, explicou o fim da série durante a Walker Stalker Convention, realizada no último final de semana em Atlanta, no estado americano de Georgia. As informações são do site Comic Book.

O ator começou desmistificando os rumores de que as coisas que ocorriam na ilha eram apenas alucinações dos personagens. “A única coisa que tenho certeza é que tudo que vocês viram na ilha realmente aconteceu, ao longo das primeiras cinco temporadas. Tudo aqui foi real”, disse Emerson.

Depois, ele revelou seu ponto de vista sobre como Lost terminou: "O final é passado no futuro. Anos, séculos, milênios se passaram. Nós estamos em lugar depois da vida, na eternidade, se preferirem. Todos os personagens da série se reuniram aqui para celebrar o fim da vida. Todos eles vão passar para uma outra vida feliz. Assim como em Shakespeare, todos vão em pares, casais. Isso porque, de acordo com as regras de Lost, você só pode ir para o paraíso - se quiserem chamar dessa forma - se passar por um espelho redentor, com alguém que te amou sem ressalvas”, disse.

Só que Bejamin, seu personagem, não participou dessa 'passagem'. "Todo mundo teve isso, acredito eu, exceto Benjamin Linus. Foi por isso que ele não conseguiu ir, por isso ele teve que esperar. Ele precisava encontrar seu espelho da redenção”, explicou o ator.