'Mestre do Sabor': Claude Troisgros vê responsabilidade em substituir 'BBB' durante quarentena

André Carlos Zorzi - O Estado de S.Paulo

'Será muito positivo apresentar um conteúdo 'fresco'', comenta chef sobre estreia em tempos de coronavírus; veja como vai funcionar a 2ª temporada

Claude Troisgros, do 'Mestre do Sabor'.

Claude Troisgros, do 'Mestre do Sabor'. Foto: Camilla Maia / 'Mestre do Sabor' / Globo / Divulgação

O Mestre do Sabor, reality show culinário da Globo, estreia sua 2ª temporada nesta quinta-feira, 30. O E+ conversou com Claude Troisgros, chef e apresentador que comanda a atração inédita em tempos de reprise na TV por conta da pandemia do novo coronavírus.

"Nesse momento, o brasileiro precisa mais do que nunca acreditar no seu País. Eu acredito que será muito positivo poder apresentar um conteúdo 'fresco' e cheio de energia. A maior responsabilidade será entrar no horário do BBB, um programa consolidado", analisa.

O Big Brother Brasil, citado por Troisgros, chegou ao fim na segunda-feira, 27, e trouxe Thelma como campeã. Além da audiência na TV, também foi um sucesso nas redes sociais: no Paredão disputado entre Manu, Prior e Mari, houve mais de 1,5 bilhão de votos, um recorde mundial.

Comparações entre Mestre do Sabor e MasterChef

Sobre o fato de algumas pessoas tratarem o Mestre do Sabor como uma espécie de "MasterChef da Globo", Claude Troisgros frisa que tratam-se de reality shows diferentes: "Elas não têm por quê comparar. O MasterChef [da Band] é um programa de sucesso e aproveito aqui para parabenizar a equipe. Eles têm um formato bem definido de competição."

"O Mestre do Sabor é um formato original nosso, um reality voltado para a valorização da cozinha brasileira. Os ches profissionais são desafiados a transformar produtos brasileiros em pratos criativos ou tradicionais, que surpreendem o paladar", explica.

Diferenças entre TV aberta e fechada

Questionado sobre uma possível comparação entre a TV fechada e seu atual trabalho à frente do Mestre do Sabor, na Globo, Claude Troisgros comenta: "A diferença de estrutura é grande se falarmos da parte técnica, principalmente. Agora, a demanda e cobrança também são maiores. O alcance da TV aberta é realmente surpreendente."

"Trabalho há mais de 15 anos com TV no Brasil e senti, sim, diferença depois da 1ª temporada do Mestre do Sabor. E o reconhecimento na rua é muito maior. As pessoas falam comigo e com o Batista como se nos conhecessem, é um carinho bom de receber", completa.

Léo Paixão, Kátia Barbosa e Rafael Costa e Silva seguram José Avillez - os jurados da 2ª temporada do 'Mestre do Sabor'.

Léo Paixão, Kátia Barbosa e Rafael Costa e Silva seguram José Avillez - os jurados da 2ª temporada do 'Mestre do Sabor'. Foto: Camilla Maia / 'Mestre do Sabor' / Globo / Divulgação

Repescagem, a novidade do Mestre do Sabor

A 2ª temporada do Mestre do Sabor conta com uma nova etapa: a repescagem, que ocorrerá entre os Duelos e a Na Peneira.

"É sempre possível inovar. Chegamos nessa 2ª temporada com uma nova etapa, muito esperada pelo público, mestres e candidatos, que é a repescagem. É uma prova que aumenta a dinâmica do programa e a esprança dos participantes de estarem na final", ressalta Claude.

Quando será a final da 2ª temporada do Mestre do Sabor

A final da 2ª temporada do Mestre do Sabor tem previsão para ir ao ar no próximo mês de julho, ao vivo. Troisgros espera que, até lá, a situação já tenha se restabelecido em relação às medidas de isolamento social causadas pela pandemia do novo coronavírus.

"Tenho fé que até julho nosso País já tenha superado a pandemia. Até lá, durante o isolamento social, o público poderá acompanhar as receitas do programa e se divertir em casa", afirma.

O apresentador ainda fala sobre como tem acompanhado a situação na França, seu país natal: "Meu pai e irmãos moram lá e nos falamos diariamente. A preocupação com o impacto social e financeiro é a mesma que a nossa aqui no Brasil".

Rafael Costa e Silva, o novo jurado do Mestre do Sabor

Rafael Costa e Silva, jurado da 2ª temporada do 'Mestre do Sabor'

Rafael Costa e Silva, jurado da 2ª temporada do 'Mestre do Sabor' Foto: Camilla Maia / 'Mestre do Sabor' / Globo / Divulgação

Por conta da pandemia do novo coronavírus, o chef José Avillez decidiu voltar para Portugal quando os episódios do primeiro mês da nova temporada do Mestre do Sabor já estavam gravados.

Para seu lugar, foi chamado Rafael Costa e Silva, chef carioca que fará sua estreia no reality show. "Temos um estilo bem parecido na competição. O que nos diferencia é que o Avillez é mais emotivo, chora mais do que eu [risos]", compara.

Sobre como lida com os participantes do Mestre do Sabor, Rafael comenta: "Como todos são chefs experientes, procuro evitar interferir no trabalho deles, tento atuar mais como alguém que vai guiá-los do que como alguém que vai definir os próximos passos".

O chef comenta que também estava de saída para a Europa, onde participaria de um evento, que acabou sendo cancelado pela pandemia: "Foi o tempo de reorganizar a agenda para poder assumir as gravações."

Rafael Costa e Silva (à direita) assumirá parte da 2ª Temporada do 'Mestre do Sabor' no lugar de José Avillez.

Rafael Costa e Silva (à direita) assumirá parte da 2ª Temporada do 'Mestre do Sabor' no lugar de José Avillez. Foto: Camilla Maia / 'Mestre do Sabor' / Globo / Divulgação

Questionado se gostaria de voltar ao Mestre do Sabor em uma nova temporada, Rafael não pensa duas vezes: "Se me convidarem, é óbvio que eu gostaria de fazer."

"Na verdade, gostaria de ter feito desde a 1ª. Se eles pensarem no meu nome para a 3ª [temporada], vai ser uma honra e um privilégio poder participar", continua.

Costa e Silva ainda ressalta que a vontade de permanecer não impede o retorno de Avillez: "Por que não fazer quatro times? Seria uma honra inenarrável".

Monique Alfradique no Mestre do Sabor

A 2ª temporada do Mestre do Sabor também contará com a estreia de Monique Alfradique no programa.

Sobre conciliar o trabalho como atriz e a função de apresentadora, Monique comenta: "Acredito totalmente que seja possível conciliar, assim como concilio qualquer projeto de cinema, TV e teatro. Agora mesmo, durante o isolamento, coloquei em prática um projeto de entrevistas no meu Instagram, em formato de live".

Monique Alfradique ao lado de Claude Troisgros e Batista

Monique Alfradique ao lado de Claude Troisgros e Batista Foto: Camilla Maia / 'Mestre do Sabor' / Globo / Divulgação

Ela também ressalta que não é seu primeiro trabalho na função: "Cheguei a ter uma experiência como apresentadora em um programa local de notícias e variedades em Niterói, mas agora, depois de tantos anos, estar no Mestre do Sabor tem sido incrível".

"É bacana saber que em breve as pessoas terão algo inédito para assistir, se divertir e se emocionar. Sou grata por poder levar ao público um pouco de alegria e motivação para que possamos passar por isso tudo juntos virtualmente", completou.

Como funciona o Mestre do Sabor

A 2ª temporada do Mestre do Sabor estreia nesta quarta-feira, 30, na Globo. 

Ao todo, serão 18 chefs participantes na disputa por uma das quatro vagas na final. Para isso, terão que passar por sete fases: Prato de Entrada, Na Pressão, Duelos, Repescagem, Na Peneira, Semifinal e a própria Final.

Além de Claude Troisgros e seu fiel escudeiro Batista, há o time de jurados composto por Léo Paixão, Kátia Barbosa e José Avillez (1ª parte) / Rafael Costa e Silva (2ª parte). Monique Alfradique será a apresentadora.

O ganhador do Mestre do Sabor receberá um prêmio de R$ 250 mil.

A maior parte da 2ª temporada do programa foi gravada no início de março de 2020. A expectativa é que a final seja exibida ao vivo, no mês de julho.

As etapas do Mestre do Sabor

Prato de Entrada: os chefs preparam um prato para ser avaliado pelos mestres. Se algum gostar, o candidato entra para o programa, e se mais de um gostar, ele escolhe o time, de forma semelhante ao The Voice Brasil. Serão escolhidos 18 participantes.

Na Pressão: há duas rodadas de prova. Na primeira, o Menu Confiança, os times fazem um menu de três pratos, avaliados por Claude e Batista. O melhor fica imune para a semana seguinte. 

Na segunda, a Batalha dos Cucas, os mestres salvam um ou dois chefs, e os que permanecem realizam uma prova individual. Agora, a avaliação é dos mestres e pode haver uma ou duas eliminações por episódio.

Duelos: Semelhantes ao 'mata-mata', com a diferença de que, nesta 2ª temporada do Mestre do Sabor, os perdedores vão para a repescagem.

Repescagem: Prova individual realizada pelos chefs que perderam os Duelos. Os três melhores avançam para a realização de uma segunda prova. O vencedor retorna à disputa pelo prêmio do Mestre do Sabor.

Na Peneira: É realizada uma prova pela imunidade. Os três melhores participantes vão para a semifinal do Mestre do Sabor. Os restantes participam de uma 2ª prova, e um chef deixa a competição.

Semifinal: A primeira prova conta com a participação de cinco chefs. Claude Troisgros avalia e salva dois deles, que vão para a final do Mestre do Sabor. Na segunda prova, os mestres avaliam os pratos dos três chefs restantes, eliminando um.

Final: Na primeira prova, os quatro chefs finalistas cozinham seus pratos, e os dois melhores seguem para a final definitiva, cujo vencedor se torna o Mestre do Sabor e leva o prêmio de R$ 250 mil.

VEJA TAMBÉM: Relembre os participantes da 1ª temporada do Mestre do Sabor

Victor Pollak / Globo / Divulgação
Ver Galeria 25

25 imagens