Marcelo Adnet afirma que 'Sinta-Se Em Casa' 'acaba' nesta semana

João Pedro Malar* - O Estado de S.Paulo

Programa de humor teve grande repercussão ao fazer paródias de políticos

Imitações de políticos feitas por Marcelo Adnet no 'Sinta-Se Em Casa' viralizaram na internet

Imitações de políticos feitas por Marcelo Adnet no 'Sinta-Se Em Casa' viralizaram na internet Foto: Reprodução

Marcelo Adnet revelou nesta segunda-feira, 7, que seu programa de esquetes, Sinta-Se Em Casa, chegará ao fim nesta sexta-feira, 10, mesmo dia em que será lançado o episódio número 110. A produção, disponível no Globoplay, foi gravada inteiramente na casa do ator. A informação sobre o fim da série foi confirmada pela Rede Globo em resposta ao Estadão.

Em uma conversa no Twitter, o humorista Paulo Vieira comentou que Marcelo Adnet não teria “tempo para fofoca” por se dedicar ao programa diário de humor. Adnet respondeu que o Sinta-Se Em Casa irá acabar nesta semana.

“Aí passarei a me exercitar, pegar sol e beber água. E seguir suas tretas!”, brincou Adnet. “Eu lamento como espectador, mas como amigo imagino o quanto você está cansado, né? É importante se recompor!”, respondeu Vieira, e Adnet concordou, destacando que foram produzidos, até o momento, 106 episódios.

De acordo com a emissora, Adnet irá se dedicar, a partir da próxima segunda-feira, 14, às gravações da nova temporada do programa Escolinha do Professor Raimundo. Em nota enviada pela Rede Globo, Adnet destacou os "110 episódios [feitos] dentro de 183 dias de quarentena trabalhando de casa", com mais de 300 personagens, e disse que teve um "aprendizado gigante".

As esquetes de humor são produzidas na casa de Adnet, e fazem piadas com temas atuais, incluindo a pandemia, memes e também paródias políticas.

Diversos vídeos do humorista imitando políticos como o presidente Jair Bolsonaro, o ex-presidente Lula e o ex-ministro Ciro Gomes viralizaram nas redes sociais. Uma de suas últimas imitações na semana passada, de Mário Frias, rendeu críticas por parte do secretário especial da cultura.

*Estagiário sob supervisão de Charlise Morais

**Atualizada em 8 de setembro de 2020, às 18h26