'Homofobia é crime', declara Diego Hypolito no 'Domingão do Huck' sobre caso Maurício Souza

Redação - O Estado de S.Paulo

Medalhista olímpico assumiu homossexualidade em maio de 2019

O ginasta Diego Hypolito, um dos participantes do 'Show dos Famosos', no 'Domingão com Huck' 

O ginasta Diego Hypolito, um dos participantes do 'Show dos Famosos', no 'Domingão com Huck'  Foto: Instagram/@diegohypolito

O medalhista olímpico Diego Hypolito participou do quadro 'Show dos Famosos', no programa Domingão com Huck. Neste domingo, 31, ele interpretou Rogério Flausino cantando os maiores sucessos do grupo Jota Quest

"Na última semana que participei eu sai daqui muito decepcionado com a minha apresentação. Falei: 'caramba, fui mal'. E a gente escuta e não consegue digerir da melhor maneira. Pensei: 'não sou merecedor de estar no programa'. E depois pensei diferente: 'estou indo lá homenagear cantores que eu gosto, que é um baita privilégio'. Então, acho que nosso sonho é aquilo que a gente quer alcançar. Se você se esforçar muito, se capacitar, você pode", afirmou o atleta. 

Depois da performance e da análise dos jurados como Claudia Raia, Preta Gil e Boninho, o apresentador Luciano Huck pediu autorização para publicar uma postagem que Diego fez no Instagram comentando a polêmica envolvendo Maurício Souza. O jogador foi dispensado do Minas Tênis após pressão de patrocinadores por conta de comentários homofóbicos nas redes sociais. O clube tomou a decisão um dia depois de multar o jogador e exigir a retratação pública do atleta. 

"Pessoas tendo preconceito com sexualidade, religião, etnias, obesidade, mulher, idade. Se a gente olhasse mais que Deus fez todo mundo diferente, que todos somos diversos. O problema é que temos maus exemplos de cima para baixo, governamentais, pessoas que plantam o ódio nas falas. E tem gente que aplaude isso, não consigo entender", disse.

Assista ao vídeo:

 

 

 

No Domingão com Huck, Diego Hypolito complementou: "Eu vim de raízes muito humildes e cada pessoa tem uma história. Dor é dor. A minha dor é minha dor, a sua dor é outra dor. Eu acredito que a gente está em um período muito crítico, parece que a gente está no fim dos tempos. As pessoas não elogiam, não falam que amam e só criticam as outras pessoas com a base do conhecimento delas", desabafou. 

O ginasta afirmou que o mundo dá oportunidade para todos. "As chamadas minorias não são minorias como dizem não são minorias. É que a gente tem espaço para falar e a partir desse momento a gente tem a liberdade de colocar o que a gente pensa e o que sente. E homofobia é crime", acrescentou.  

Diego Hypolito revelou, em maio de 2019, que é homossexual e que decidiu não falar nada sobre o assunto antes por receito de que isso pudesse atrapalhar a carreira como atleta. Na ocasião, a declaração foi dada durante uma entrevista ao site UOL.

VEJA TAMBÉM: 'Show dos Famosos 2021': Conheça os nove participantes

 

TV Globo
Ver Galeria 10

10 imagens