‘Hoje em dia não daria para escrever uma novela como Tieta’, opina Aguinaldo Silva

Redação - O Estado de S.Paulo

Dramaturgo considera que o ‘politicamente correto’ trouxe mudanças à produção de novelas

Dramaturgo estará no programa 'Luciana By Night' nesta terça-feira, 29, às 22h30

Dramaturgo estará no programa 'Luciana By Night' nesta terça-feira, 29, às 22h30 Foto: Divulgação/RedeTV!

Aguinaldo Silva acredita que o 'politicamente correto' limita a produção de novelas. Em entrevista ao programa Luciana by Night, da apresentadora Luciana Gimenez, que vai ao ar nesta terça-feira, 29, ele dará sua opinião de que hoje em dia é preciso evitar certas piadas e palavras.

“Hoje em dia não daria para escrever uma novela como Tieta, por exemplo, porque foi uma novela libertária. Não se pode mais fazer piadas nem usar certas palavras”, argumenta.

Ainda sobre temas polêmicos, ele afirmou que prefere deixar cenas entre homossexuais de fora de suas tramas porque pensa que seus telespectadores conservadores não aprovariam.

“Sou um pouco reticente a isso, sim, porque você tem que pensar que aquilo vai entrar na casa de pessoas que não são tão liberais quanto você. Tenho que escrever algo que não frustre os progressistas e que não choque os conservadores”, ponderou.

Aguinaldo comentará sobre a profissão que pretendia seguir antes de se tornar dramaturgo. Ele conta que pensava em ser bailarino, mas que à época havia muito preconceito contra meninos que procurassem estudar ballet.

O dramaturgo não poupa elogios a Viviane Araújo, atualmente interpretando nos teatros um personagem criado por ele. “Agora ela é estrela e na minha próxima novela ela entra!”.