Fátima Bernardes narra batida de carro alegórico e vira meme

- O Estado de S.Paulo

Apresentadora fazia a transmissão do desfile na Sapucaí quando o carro alegórico da Unidos da Tijuca se aproximou do estúdio

RIO - Fátima Bernardes virou meme ao narrar a dificuldade da União da Ilha para manobrar seu quinto e penúltimo carro, que era muito grande. 'Vai bater, vai bater. Bateu", disse a apresentadora. 

O carro empacou na dispersão, foi empurrado e bateu (sem força) no estúdio de transmissão da TV Globo. Nas redes sociais, os internautas pediram para Fátima narrar as corridas de Fórmula 1 no lugar de Galvão Bueno. 

O incidente foi logo após o pedido de oração puxado pelo presidente da Liga Independente das Escolas de Samba, Jorge Castanheira, em homenagem às vítimas do Tuiuti

O carro da União da Ilha, que carnavalizou tradições e ritos de povos bantos, era muito grande e acabou ficando mais próximo do que deveria do gradil do setor 1, deixando o público apreensivo. A escola abriu a segunda noite de desfiles do Grupo Especial carioca e sua sexta alegoria, na sequência, não conseguia passar por conta do problema na manobra. 

 

Uma publicação compartilhada por @fbbreal em

Na madrugada de terça-feira, 28, parte da estrutura de um carro alegórico da Unidos da Tijuca desabou no começo do desfile da escola, e pelo menos 12 ocupantes do carro ficaram feridos, um com suspeita de traumatismo craniano e outro, de traumatismo abdominal.

 

No primeiro dia, outras 20 pessoas ficaram feridas depois que um dos carros alegóricos do Paraíso do Tuiuti entrou torto na pista e imprensou pessoas que estavam junto ao setor 1. Uma delas ainda corre risco de vida. O acidente da Tijuca também foi no setor 1, área mais popular da Marquês de Sapucaí.

A União da Ilha teve dificuldade para manobrar um carro alegórico e assustou o público.

A União da Ilha teve dificuldade para manobrar um carro alegórico e assustou o público. Foto: Wilton Junior/Estadão