Documentário sobre Maradona será apresentado em Florença nesta segunda-feira

Agência - ANSA

Produção traz conteúdos inéditos sobre o argentino e mostra os altos e baixos da carreira

Foto de junho de 2011 mostra Diego Maradona como técnico do Al Wasl na final contra o Sharjah FC, em Dubai.

Foto de junho de 2011 mostra Diego Maradona como técnico do Al Wasl na final contra o Sharjah FC, em Dubai. Foto: Jumana El Heloueh/Reuters

Um documentário sobre a vida e a carreira do ex-craque Diego Maradona será apresentado nesta segunda-feira, 23, no cinema Odeon, em Florença, na Itália.

O filme dedicado ao Pibe de Oro tem a direção do cineasta britânico Asik Kapadia e será apresentado na capital da Toscana pelo ex-jogador Giancarlo Antognoni.

A produção possui entrevistas exclusivas com Maradona e imagens inéditas tiradas do arquivo pessoal do argentino. 

O documentário lança uma luz sobre momentos íntimos do lendário jogador com a família e colegas de equipe, mostrando os altos e baixos de sua agitada carreira.

VEJA TAMBÉM: Relembre participações de jogadores da seleção na TV e no cinema

Globo / Divulgação | João Miguel Júnior / Globo / Divulgação
Ver Galeria 15

15 imagens

"Estamos lidando com arquivos muito antigos, haverá muitas imagens que ele mesmo não viu de si mesmo, de sua família, de seus filhos", disse Kapadia em maio deste ano. "Então acho que será muito comovente para ele."

Além do documentário, uma série de televisão sobre o jogador começou a ser gravada em Buenos Aires, em janeiro deste ano. Com o título Maradona - Bendito sonho, a produção biográfica terá episódios de uma hora cada e trará momentos-chave da carreira profissional e da vida pessoal dele, informou a produtora Amazon Prime Video em um comunicado.

VEJA TAMBÉM: Futebol e novela: relembre ocasiões em que os dois estiveram juntos

Otávio Magalhães / Estadão
Ver Galeria 12

12 imagens

O cinema e a TV registraram mais de uma vez parte dos acontecimentos gloriosos e turbulentos do capitão 'albiceleste'. Mas são poucas as biografias integrais de ficção. O mais recordado é o documentário filmado por Emir Kusturica. O cineasta e músico sérvio o acompanhou com sua câmera quando o ex-jogador organizou, em 2005, uma manifestação contra a presença na Argentina do ex-presidente americano George W. Bush.

Aos 58 anos, o ex-jogador foi um dos melhores da história do futebol e teve passagens por Boca Juniors, Barcelona, Napoli e Sevilla. Pela seleção da Argentina, o ex-camisa 10 conquistou a Copa do Mundo de 1986, no México. Atualmente, Maradona segue a carreira de treinador e comanda o Gimnasia y Esgrima La Plata, da Argentina.