Carla Vilhena critica Maju Coutinho por cobertura da morte de Jorge Fernando e se arrepende

Redação - O Estado de S.Paulo

'Apresentadora, vamos evitar rir depois das cenas de arquivo enquanto lê a frase 'o corpo do diretor...'', escreveu ex-apresentadora da Globo em referência ao 'Jornal Hoje'

Maju Coutinho após exibição de reportagem sobre a morte de Jorge Fernando no 'Jornal Hoje'; momento rendeu críticas de Carla Vilhena

Maju Coutinho após exibição de reportagem sobre a morte de Jorge Fernando no 'Jornal Hoje'; momento rendeu críticas de Carla Vilhena Foto: Reprodução de 'Jornal Hoje' (2019) / Globo

Carla Vilhena, ex-jornalista da Globo, usou seu Twitter para criticar Maju Coutinho, apresentadora do Jornal Hoje, pela forma como cobriu a morte de Jorge Fernando no telejornal desta segunda-feira, 28.

"Sobre matéria da morte de Jorge Fernando: por mais que ele tenha sido divertido em vida, está morto. Repórter, não precisa berrar tanto. Apresentadora, vamos evitar rir depois das cenas de arquivo, enquanto lê a frase 'o corpo do diretor...'", escreveu, em referência também à repórter Raquel Honorato.

Na sequência, Carla Vilhena continuou a falar sobre o tema com alguns de seus seguidores: "Maju Coutinho é ótima. Não estou em posição de criticá-la. É uma dica simples de algo que se aprende com a experiência".

Horas depois das duras críticas, Carla Vilhena decidiu apagar a mensagem e pedir desculpas a Maju. “Cometi um erro de avaliação. O que achei que poderia ser uma dica para apresentação acabou sendo interpretado como uma ofensa a uma pessoa que adoro. Muitas pessoas entenderam assim. Por isso, peço humildemente desculpas pelo erro. E a Maju, desejo mais sucesso”, escreveu Carla na madrugada desta terça-feira, 29.

VEJA TAMBÉM: Relembre apresentadores e jornalistas que saíram da Globo em 2019

Reprodução de 'Fantástico' (2018) / Globo | Reprodução de 'Bem Estar' (2018) / Globo | Reprodução de 'Globo Esporte' (2018) / Globo
Ver Galeria 13

13 imagens

"Maju é linda e carismática, mas muita água tem que rolar para alguém ficar seguro na apresentação de um jornal ao vivo", continuou.

A apresentadora Carla Vilhena pediu demissão da Globo em janeiro de 2018, após 34 anos na emissora.

O ator e diretor Jorge Fernando morreu após ter um aneurisma no último domingo, 28.

Confira abaixo as postagens feitas por Carla Vilhena em relação a Maju Coutinho e à cobertura da morte de Jorge Fernando:

 

* Atualizada às 10h29 de 29 de outubro de 2019 com explicação de Carla Vilhena sobre tuíte apagado.