‘As Five’: Atrizes falam sobre o reencontro das protagonistas, que se passa 6 anos após ‘Malhação’

Redação - O Estado de S.Paulo

Gabriela Medvedovski, Heslaine Vieira, Manoela Aliperti, Ana Hikari e Daphne Bozaski levaram suas personagens da adolescência, em 'Malhação', à vida adulta, em 'As Five'. A série estreia na TV Globo na próxima terça-feira, 26.

'As Five': Ellen (Heslaine Vieira), Lica (Manoela Aliperti), Tina (Ana Hikari), Benê (Daphne Bozaski) e Keyla (Gabriela Medvedovski).

'As Five': Ellen (Heslaine Vieira), Lica (Manoela Aliperti), Tina (Ana Hikari), Benê (Daphne Bozaski) e Keyla (Gabriela Medvedovski). Foto: Sergio Zalis/TV Globo

As protagonistas de Malhação: Viva a Diferença voltam a se encontrar no início da vida adulta em As Five. A série, exibida originalmente no Globoplay, irá ao ar na TV Globo pela primeira vez a partir desta terça-feira, 26. A temporada completa estará disponível na plataforma de streaming e também será exibida no canal aberto às terças e quintas, após Verdades Secretas.

As atrizes Gabriela Medvedovski (Keyla), Heslaine Vieira (Ellen), Manoela Aliperti (Lica), Ana Hikari (Tina) e Daphne Bozaski (Benê) falaram sobre suas personagens nessa nova fase da vida, após seis anos afastadas. 

Cao Hamburger, que assinou a temporada de Malhação, vencedora do Emmy Kids Internacional 2019, conta que As Five retrata a chamada Geração Z, com todas as suas questões e características. “É uma fase da vida muito interessante e instigante. Nos tornamos adultos, finalmente independentes, com as vantagens e os desafios que as novas responsabilidades nos trazem. São as mesmas personagens de ‘Viva a Diferença’, mas em outro registro", revela o autor.

Na história, Tina está vivendo um momento conturbado com a morte de sua mãe, e as amigas se juntam para ir ao velório. Além da dificuldade de lidar com o luto, o relacionamento com Anderson (Juan Paiva) está desgastado.     

“A Tina começa a tentar fugir de todas as maneiras do que sente, se jogando ainda mais nas baladas. Essa fuga só vai fazê-la sofrer ainda mais”, conta Ana Hikari. Nesse momento, a retomada da amizade das cinco garotas ajudará Tina a lidar com suas dores.

Ellen volta dos Estados Unidos, onde está morando, especialmente para acompanhar a amiga. Mas o retorno a São Paulo mexe com ela, que vai começar a questionar sua vida profissional e amorosa. Extremamente dedicada à carreira acadêmica no exterior, a jovem se pergunta se sua rotina rígida e o noivado com o norte-americano Omar são o melhor para ela. 

O surgimento do gentil marcineiro Lito (Matheus Cabral) na sua vida e a convivência com a família - o irmão Anderson (Juan Paiva), a mãe Nena (Roberta Santiago) e a avó Das Dores (Ju Colombo) - despertará a saudade de casa.

“É muito interessante ver a Ellen no início da fase adulta, se descobrindo e trilhando o caminho que sempre lutou para ter. Ela amadurece tanto que as questões vêm mais à tona justamente nesse período da vida dela”, acredita Heslaine Vieira.         

Keyla vive uma rotina caótica como a jovem mãe jovem solo do Tonico (Matheus Dias) e pouco recurso financeiro. O reencontro com as amigas a fará perceber que deixou seus desejos de lado. 

Ela começa, então, a tentar retomar a vida sexual, saindo à noite, usando aplicativos de encontros, e começa um romance com Samuel (Jessé Scarpellini). Na vida profissional, ela vai correr atrás do seu sonho de ser atriz de musicais. 

“A série traz uma abordagem profunda dos conflitos de cada uma. A Keyla abriu mão dela mesma em função do filho e começa a questionar a forma como lidou com a própria vida durante esses anos”, analisa Gabriela Medvedovski.

Lica continua vivendo sua vida sem sentir a passagem do tempo, agindo como uma adolescente intensa e desprendida: não sabe cuidar de sua casa, já abandonou três faculdades e vários projetos pessoais. Ela passa a dividir o apartamento com Benê, que lhe obrigará a ser mais organizada. “A Lica vive em uma bolha social, econômica e cultural, desfrutando de seus privilégios sem se questionar muito. Nesse movimento de mudanças, algumas fichas vão cair”, adianta Manoela Aliperti.

Benê aparenta ter sua vida sob controle: casada com Guto (Bruno Gadiol), seu namorado desde a escola, ela vive da música, como sempre desejou. Mas uma reviravolta na relação com Guto separa o casal e ela se muda para o apartamento de Lica, onde conhece Nem (Thalles Cabral). O vizinho é um rapaz viciado em internet, com dificuldades em se relacionar fora do mundo virtual. A convivência com ele e a proximidade com as amigas trarão novas experiências. 

“Nos últimos seis anos, a Benê passou por muitas coisas que não vivi com ela e por isso foi muito interessante experimentar as inquietações que a personagem sente nessa fase da vida. Após o reencontro com as meninas, ela quer buscar sua independência e as sensações que deseja experimentar”, conta Daphne Bozaski.

 

 

Da adolescência à vida adulta

Gabriela Medvedovisky disse que um dos grandes desafios para as cinco atrizes foi trazer as personagens para a maturidade. “Um dos grandes desafios para todas nós foi revisitar essas personagens e conseguir trabalhá-las num lugar mais maduro, entender o que não fazia mais parte delas, desapegar disso e trazer coisas novas, mas sem perder a essência daquelas meninas mulheres, que cresceram, mas continuam as mesmas pessoas.” 

“Foi um trabalho muito bonito e profundo, nesse sentido de poder encontrar novas camadas porque são personagens profundas e densas. Encontrar quais eram as novas nuances dessas mulheres, desafios e dilemas da vida”, continuou a intérprete de  Keyla. 

Não foram apenas as personagens que amadureceram, suas intérpretes também ganharam mais experiência e papéis relevantes. 

“Acho que a Malhação: Viva a Diferença foi uma vitrine e oportunidade muito incrível de trabalho para mim. Muitos frutos surgiram a partir de Malhação e sou muito grata por todos eles. Um deles é As Five. Oportunidade de surfar e curtir a onda maravilhosa e intensa que é a Lica”, comemorou Manoela Aliperti. 

Gabriela, Daphne e Heslaine estão no ar em Nos Tempos do Imperador, com papéis de destaque. “Tenho certeza de que tanto Malhação: Viva a Diferença quanto As Five foram divisores de águas na minha vida profissional porque me ensinaram quase tudo o que sei sobre o trabalho audiovisual. As Five foi uma sequência nesse processo de aprendizado e amadurecimento tanto pessoal quanto profissional e a novela vem agregando nesse processo”, contou Gabriela.

“Com toda a repercussão que Malhação: Viva a Diferença e As Five trouxeram, as portas se abriram. Muitas possibilidades de novos trabalhos foram surgindo. Estamos tendo a oportunidade de nos desenvolver”, afirmou Heslaine.

Ana está no elenco da próxima novela das sete, Quanto Mais Vida, Melhor!. “Sou muito grata pela Tina, por ser uma personagem tão complexa e que me apresentou para o público como atriz na televisão. E espero que o público possa me reconhecer como atriz em outros papéis tão desafiadores e interessantes quanto a Tina.”

 

Cao Hamburger com o elenco de 'As Five'

Cao Hamburger com o elenco de 'As Five' Foto: Fábio Rocha/TV Globo

 

As Five na TV Globo

A série, exibida originalmente no Globoplay, irá ao ar na TV Globo pela primeira vez. As atrizes comemoram a oportunidade de ampliar o público. “Acredito que a possibilidade de ir ao ar num horário bem diferente de Malhação ajudará a trazer um outro público para nossa série. Fiquei extremamente feliz com a notícia”, disse Daphne. 

“Ir para a TV aberta é sempre um prestígio e acho que é o reconhecimento de um trabalho muito bem feito, com muita dedicação”, celebrou Gabriela. “Vai ser uma emoção diferente assistir na TV aberta, com o grande público. É a sensação de uma nova estreia, já estou com frio na barriga”, completou Heslaine.

Ana afirmou que está ansiosa para saber qual será o retorno do público na TV aberta e saudou os fãs que acompanham a série pela Globoplay. “Eles [os fãs] já estão empolgados! Tenho certeza de que vão fazer ainda mais barulho nas redes sociais quando estrear.”