Apresentador acusado de fazer comentário racista pede desculpas

Redação - O Estado de S.Paulo

'O nome do cara é Montenegro. Se fosse do bem, ele ia chamar 'Montebranco'', afirmou Stanley Gusman, da TV Alterosa, afiliada do SBT

Stanley Gusman durante o 'Alterosa Alerta'

Stanley Gusman durante o 'Alterosa Alerta' Foto: Reprodução de 'Alterosa Alerta' (2019) / TV Alterosa

O apresentador Stanley Gusman, da TV Alterosa, afiliada do SBT em Minas Gerais, se envolveu em um apolêmica e recebeu acusações de racismo  por conta de um comentário feito no programa Alterosa Alerta na última terça-feira, 9.

Ao se referir ao preseidente do Ibope, Carlos Montenegro, Gusman afirmou "eu sei muita muita coisa. Dentre elas, sei quem é o dono do Ibope. O nome do cara é Montenegro. Se ele fosse do bem, ele ia chamar 'Montebranco'".

O repórter com quem Stanley conversava ao vivo mostrou-se constrangido com a situação e disse apenas: "Nossa mãe". Na sequência, ainda entraram algumas vinhetas com sons humorísticos, como uma voz gritando "uepa!", além de um som de bateria, conhecido por ser tocado após uma piada ser contada.

A fala gerou revolta nas redes sociais e também uma nota de repúdio do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais, que afirmou que "espera que o caso seja devidamente apurado e responsabilizado" e "considera grave e inaceitável a ofensa de conotação racial veiculada em programa da TV Alterosa" (clique aqui para ler a íntegra).

O E+ entrou em contato com a TV Alterosa, pedindo um posicionamento sobre o fato, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem. Uma funcionária, porém, informou, por telefone, que houve uma "retratação" feita durante o Alterosa Alerta exibido nesta quarta-feira, 10.

Segundo o jornal O Tempo, Stanley afirmou: "Eu preciso me manifestar sobre o erro que cometi ao comentar o resultado da audiência no início do programa de ontem. Peço humildemente desculpas a quem eu tenha ofendido, estou extremamente constrangido e o episódio tem me feito refletir muito".

Confira abaixo algumas reações ao comentário de Stanley Gusman nas redes sociais:

VEJA TAMBÉM: Crianças que provaram que ninguém nasce racista

Instagram/ @gio_ewbank
Ver Galeria 7

7 imagens