‘A Casa do Dragão’: escritor da saga George R. R. Martin apresenta nova série

Jéssica Lopez - Especial para o Estadão

Em vídeo divulgado pela HBO, Martin apresenta aos fãs o enredo sobre a família Targaryen, que está na trama central de 'A Casa do Dragão'

O escritor George R. R. Martin sentado no trono de ferro da série Game Of Thrones.

O escritor George R. R. Martin sentado no trono de ferro da série Game Of Thrones. Foto: Instagram/@houseofthedragonhbo

 

George R. R. Martin, escritor da série de livros que originou a produção de sucesso Game Of Thrones, junto com a HBO, divulgou um vídeo inédito sobre A Casa do Dragão, trama derivada da saga que mostrou a disputa pelo trono de ferro de Westeros. Na nova série, Martin apresenta aos fãs o enredo sobre a família Targaryen, que está na trama central de A Casa do Dragão.

A série será baseada no livro Fogo & Sangue, de George R. R. Martin. A história acontece duzentos anos antes dos eventos de Game Of Thrones.

Os criadores da série são Ryan Condal e Miguel Sapochnik. O elenco da série derivada de Game Of Thrones conta com Matt Smith, Olivia CookeSteve Touissant, Sonoya Mizuno entre outros atores. A Casa do Dragão chega à HBO Max em 21 de agosto de 2022.

 

 

 

 

Matt Smith comenta excesso de cenas de sexo em nova produção da HBO

Mas nem só de sucesso vivem as tramas escritas por George R. R. Martin. A série ainda não estreou e o ator Matt Smith, que encarnará o príncipe Daemon Targaryen na produção, em entrevista ao programa Rolling Stone U.K, disse que chegou a contar o número de cenas de sexo. O ator relatou que aparece em várias cenas íntimas e que os fãs podem esperar episódios de A Casa do Dragão com esse teor. "Um pouco demais, se você me perguntar", pontuou o artista.

"Você se pega perguntando: 'Precisamos de outra cena de sexo?' E eles ficam: 'Sim, nós temos'", disse Matt.

O ator continua dizendo sua visão da adaptação da saga em livros, para uma série de televisão: "Na verdade, acho que é um trabalho representar os livros de forma verdadeira e honesta, como foram escritos", afirmou.