Veja quais serviços podem ter sido feitos com R$ 97 mil gastos por Macron em beleza 

Redação - O Estado de S.Paulo

Presidente da França enfrenta críticas após ter sido revelado que pagou o valor acima em cuidados estéticos em três meses

Emmanuel Macron assumiu o cargo de presidente da França em maio

Emmanuel Macron assumiu o cargo de presidente da França em maio Foto: REUTERS/Philippe Wojazer

Em um momento de austeridade, Emmanuel Macron, que assumiu a presidência da França há quatro meses, vem enfrentando críticas após a revista francesa Le Point revelar que ele gastou  26 mil euros (cerca de R$ 97 mil) em cuidados com a beleza. Segundo a publicação, a maquiadora do político emitiu faturas que totalizam esse valor pelos serviços prestados durante os três primeiros meses do político no cargo.

Para gastar esse valor com um profissional da rede de salões de beleza Studio W, Macron teria que ter feito maquiagem 287 vezes durante três meses, ou seja, ele teria sido maquiado cerca de três vezes ao dia. Considerando que esse serviço custa a partir de R$ 301, chegaria a gastar cerca de R$ 86.387. O presidente poderia também fazer o design de sobrancelhas sete vezes durante a semana, ou seja, 84 vezes no total. Esse cuidado estético custa a partir de R$ 124, e somaria R$ 10.416 nesse período. Assim, os gastos com maquiagem e sobrancelha chegariam a R$ 96.803. O Studio W atende atores como Rodrigo Santoro, Tony Ramos, Romulo Arantes Neto, Felipe Titto, Fábio Assunção e o jogador de futebol Kaká.

A estimativa acima, no entanto, não considera o valor do profissional para atendimento in loco e para acompanhar o cliente durante eventos e viagens.