Sul-africana Demi-Leigh Nel-Peters é a nova Miss Universo

AP - Associated Press

Brasileira Monalysa Alcântara foi eliminada da competição na escolha das cinco finalistas

A Miss África do Sul, Demi-Leigh Nel-Peters, é coroada pela Miss Universo 2016,  Iris Mittenaere, durante o 66º concurso de Miss Universo no hotel cassino Planet Hollywood em Las Vegas, Estados Unidos. 

A Miss África do Sul, Demi-Leigh Nel-Peters, é coroada pela Miss Universo 2016,  Iris Mittenaere, durante o 66º concurso de Miss Universo no hotel cassino Planet Hollywood em Las Vegas, Estados Unidos.  Foto: Steve Marcus/Reuters

LAS VEGAS - A Miss África do Sul, Demi-Leigh Nel-Peters, foi coroada Miss Universo 2017 neste domingo, 26, em uma noite em que as representantes da Colômbia e da Venezuela foram fortes concorrentes para assumir o título de mulher mais bonita do planeta.

Nel-Peters, de 22 anos, estudou administração de empresas na North West University e desenvolveu um programa de defesa pessoal feminina.

"Uma Miss Universo deve ter confiança em si mesma, Miss Universo é uma mulher que superou muitos medos e conseguiu ajudar outras mulheres a superar seus medos", declarou ao responder qual das suas qualidades é aquela que a deixa mais orgulhosa e como usaria isso caso fosse coroada. "Ela é uma mulher a quem você pode pedir tudo e é o que eu sou".

+++ Figurino de brasileira no Miss Universo irá chamar atenção para a degradação da Amazônia

Anteriormente, Nel-Peters respondeu a uma pergunta sobre o maior desafio que as mulheres enfrentam no mercado de trabalho atual."Em alguns países, as mulheres recebem 75% menos para fazerem o mesmo trabalho que os homens e trabalhar as mesmas horas e eu não acho que isso seja correto", disse ela. "Eu acho que deveríamos ter o mesmo salário para as mulheres no mundo".

Este é o segundo título de Miss Universo para a África do Sul, após o triunfo

de Margaret Gardiner em 1978.

A sul-africana Demi-Leigh Nel-Peters é coroada Miss Universo 2017 em Las Vegas, Estados Unidos. 

A sul-africana Demi-Leigh Nel-Peters é coroada Miss Universo 2017 em Las Vegas, Estados Unidos.  Foto: Steve Marcus/Reuters

A Miss Colômbia, Laura González, e a Miss Jamaica, Davina Bennett, ficaram como primeira e segunda finalistas, respectivamente. González, de 22 anos, é atriz e trabalhou em teatro, curtas-metragens e televisão. Bennett, de 21, estuda marketing na Universidade West Indies. Também desenvolveu uma carreira como modelo e criou a Fundação Davina Bennett para Surdos para treinar e inspirar pessoas surdas.

A Miss Brasil, Monalysa Alcântara, chegou à rodada de dez finalistas na 66ª edição do concurso de beleza realizado no Planet Hollywood em Las Vegas, que contou com 92 representantes de todo o mundo. /Associated Press