Modelo de manequim 34 diz que foi chamada de gorda pela Louis Vuitton

Isabela Serafim - Especial para O Estado de S. Paulo

Dinamarquesa Ulrikke Hoyer alegou que grife francesa sugeriu que ela bebesse apenas água por 24 horas

A modelo Ulrikke Hoyer. 

A modelo Ulrikke Hoyer.  Foto: instagram.com/ulrikkehoyer/

Ulrikke Hoyer, modelo de 20 anos de idade, estava escalada para o desfile de Cruise 2018 da Louis Vuitton, que ocorreu em Kyoto, Japão, no dia 14 de maio. Porém, teve sua participação cancelada um pouco antes do show por não estar com medidas adequadas. A modelo veste manequim 34/36 e já desfilou para Stella McCartney, Chloé, Erdem e Giambattista Valli.

De acordo com Ulrikke, o caso se desenrolou durante a prova de roupas, quando a assistente de casting de Ashley Brokaw, Alexia Cheval, disse que a modelo estava com um estômago e rosto muito inchados e precisava beber apenas água nas próximas 24 horas. O relato foi publicado no Instagram e Facebook da modelo. Pouco tempo depois, a jovem foi informada por seu booker que não iria mais desfilar para a grife francesa e seria mandada de volta para a casa.

Ao portal Business Of Fashion, Ashley Brokaw alegou ter sido um grande mal-entendido. “Ulrikke disse que tinha 92 centímetros de quadril (....) Duas semanas mais tarde, no teste, as roupas não caíram bem”, disse. Sobre a questão da água, ela informou que orienta as meninas a beberem bastante líquido. “Aconselho que elas evitem álcool e refrigerante, mas nunca disse para ela não comer. Isso não é certo.” 

Procurada pela reportagem, a assessoria da Louis Vuitton no Brasil não quis se pronunciar.

 

I just returned from Tokyo/Japan, where Louis Vuitton held a beautiful cruise show in Kyoto, I just never made it to Kyoto cause I was canceled for the show due to being ‘too big’. (I’m a size 34-36) Ashley Brokaw’s caster Alexia had said that there had been some problems during the fitting. According to her I had “a very bloated stomach”, “bloated face”, and urged me to starve myself with this statement “Ulrikke needs to drink only water for the next 24 hours”. I was shocked when I heard it. I woke up at 2am and was extremely hungry. The breakfast started at 6:30am – I had the absolute minimum. I was afraid to meet Alexia so my luck she didn’t arrive until 8am, when my plate was taken off the table. She said good morning to me and the other girls and looked at me, then down on my non-existent plate and up at me again. She was checking if I had been eating food. At 7pm my mother agent from Denmark called my to tell the sad news that Louis Vuitton had chosen to cancel me from the show without the refitting and that I was going to be sent back home. Not only did I have a belly, my face was puffy now also my back was a problem. I am glad I’m 20 years old with an elite sports background and not a 15 year old girl, who are new to this and unsure about herself, because I have no doubt that I would then have ended up very sick and scarred long into my adult life. TO READ THE FULL STORY CLICK IN MY BIO!!!!!!! #LVCruise2018 #mistreatmentofmodels #AshleyBrokaw #thefutureisfemale #sowhyeatingdisorders #youknowitstrue #shareifyoucare #jamespscully

Uma publicação compartilhada por Ulrikke Hoyer (@ulrikkehoyer) em

 

“Acabei de voltar de Tóquio /Japão, onde ocorreu o desfile de cruise da Louis Vuitton, realizado em Kyoto. Eu nunca cheguei a ir até Kyoto porque minha participação foi cancelada, já que aparentemente sou 'muito grande'. (Eu visto tamanho 34-36). A assistente de casting de Ashley Brokaw, Alexia, me disse que houve alguns problemas durante a prova de roupas. De acordo com ela, eu tenho "uma barriga muito inchada" e "cara inchada", e me disse para morrer de forme. "Ulrikke precisa beber apenas água nas próximas 24 horas". Fiquei chocada quando ouvi. Acordei às 2h com muita fome. O café da manhã começou às 6h30. Eu peguei o mínimo. Eu tinha medo de encontrar Alexia. Por sorte, ela não chegou antes das 8h, quando o meu prato foi retirado da mesa. Ela disse bom dia para mim e para as outras meninas e prestou atenção no meu prato inexistente. Ela estava verificando se eu estava comendo comida. Às 19h, meu booker da Dinamarca me ligou para contar a triste notícia de que Louis Vuitton tinha cancelado a minha participação no show e me mandaria de volta para casa. Eu não tinha apenas uma barriga grande, meu rosto estava inchado e agora também a minha volta era um problema. Estou feliz que eu tenho 20 anos de idade com um passado de esporte de elite e não sou uma menina de 15 anos de idade, nova para a profissão e insegura sobre mim mesma - se fosse, não tenho dúvidas de que acabaria doente.”