Mantenha o foco nas metas - e escolha metas possíveis

Barton Goldsmith - O Estado de S.Paulo

Lembre-se que, quanto mais pensamos na direção em que estamos seguindo, mais fácil é de chegar lá

 

Se quiser alcançar os desejos do seu coração, talvez seja bom reservar alguns minutos de cada dia para manter o foco em suas metas. Aqueles que aproveitam esse tempo têm mais facilidade em tornar os sonhos realidade. Para os mais tímidos, o exercício é especialmente útil, pois não é preciso enfrentar tudo naquele exato momento. Basta visualizar o que desejamos da vida - sair mais, por exemplo - e ilustrar em nosso cérebro uma imagem de como as coisas seriam então.

Como você seria se fosse uma pessoa mais confiante? Mudaria de profissão, abriria uma nova empresa, subiria os degraus da carreira corporativa? Como seria seu comportamento em situações mais sociais? 

Fazer essas perguntas a si mesmo ajuda a desenvolver uma imagem daquilo que desejamos da vida. Depois de criar uma meta clara na mente, dê o passo seguinte e anote tudo no papel. 

Então, coloque a meta descrita em sua mesa de trabalho ou cole-a ao espelho do banheiro, ou qualquer outro lugar onde possa vê-la todos os dias. Este lembrete vai funcionar como uma afirmação, e pode ajudar você a manter o foco em suas metas mesmo quando estiver com a vida muito agitada. 

Lembre-se que, quanto mais pensamos na direção em que estamos seguindo, mais fácil é de chegar lá

Lembre-se que, quanto mais pensamos na direção em que estamos seguindo, mais fácil é de chegar lá Foto: igor_mouraa / Creative Commons

Lembre-se que, quanto mais pensamos na direção em que estamos seguindo, mais fácil é de chegar lá. Estudos revelaram que escrever as metas no papel e repassá-las com regularidade torna-as muito mais fáceis de alcançar.

É sempre boa ideia pensar em metas possíveis de alcançar. Não seria aconselhável, por exemplo, passar o tempo pensando em se tornar um astro do rock se você não sabe tocar um instrumento nem cantar. Verifique se as coisas que quer e deseja são coisas que você pode concretizar.

Ao fazer um inventário de seus talentos e habilidades, logo ficará claro o quão longe você pode ir. Se estiver com problemas para acreditar em si ou encontrar áreas nas quais você tenha bom desempenho, talvez seja boa ideia perguntar a alguns amigos mais próximos quais seriam suas melhores habilidades na opinião deles. As pessoas que se importam conosco às vezes têm uma perspectiva diferente, enxergando em nós algo que não somos capazes de ver sozinhos.

Aqueles que tendem a ser introvertidos podem descobrir que, para atingir suas metas, precisam de muito tempo de concentração ou estar em locais calmos, o que é ótimo. 

Mas é importante não partir do medo. Nossas inseguranças podem nos frear e fazer com que pensemos ser incapazes de realizar determinadas tarefas para as quais nossas qualificações são mais do que suficientes. 

Se deixar o medo governar, toda a sua vida vai girar em torno da preservação da sensação de segurança, possivelmente perdendo muitos dos bons momentos que esperam lá fora.

Tradução de Augusto Calil