Giorgio Armani vestirá atletas italianos nas Olimpíadas 2020

Agência - ANSA

Peças serão usadas em ocasiões formais e terão detalhes visuais que prestam uma homenagem ao Japão

Giorgio Armani na Semana de Moda de Milão.

Giorgio Armani na Semana de Moda de Milão. Foto: Daniel Dal Zennaro/EFE

A grife italiana Giorgio Armani irá vestir os atletas italianos durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio em 2020. A iniciativa faz parte de uma parceria da marca com o Comitê Olímpico Nacional Italiano (Coni) e com o Comitê Italiano Paralímpico (Cip) e foi anunciada no último fim de semana, em ocasião da apresentação da nova coleção masculina primavera/verão da Armani.

O desfile contou com a presença de 20 atletas olímpicos e nove paralímpicos de diferentes esportes com as peças da grife de luxo.

Na primeira fila, estava o presidente do Coni, Giovanni Malagò. O estilista Giorgio Armani disse estar "muito feliz" pela renovação da parceria nascida em 2012.

"Eu sempre acho estimulante buscar novas soluções para os uniformes de atletas que devem misturar a elegância do estilo com a praticidade", disse Armani. Segundo ele, para a equipe da Itália em Tóquio, foram criados detalhes visuais que prestam uma homenagem ao Japão, um país que o estilista sempre admirou e que recentemente o acolheu com grande entusiasmo.

Os uniformes serão usados pelos atletas em ocasiões formais, durante o tempo livre no evento, nos pódios e nas cerimônias de abertura e encerramento.

As Olimpíadas serão realizadas entre os dias 24 de julho e 9 de agosto de 2020. Já as Paralimpíadas vão ser disputadas entre os dias 25 de agosto e 6 de setembro.