Colcci não participará da próxima edição da SPFW

- O Estado de S.Paulo

A marca anunciou que volta a fazer parte da semana de moda de São Paulo em 2017

Gisele Bündchen desfila pela última vez para a grife Colcci durante o São Paulo Fashion Week verão 2016, realizado no parque Cândido Portinari. 

Gisele Bündchen desfila pela última vez para a grife Colcci durante o São Paulo Fashion Week verão 2016, realizado no parque Cândido Portinari.  Foto: JF DIORIO / ESTADÃO

O grupo AMC, maior conglomerado de marcas de moda da américa latina, detentora de grandes nomes como Fórum, Tufi Duek e Triton, anunciou nesta terça-feira, 5, que a Colcci não desfilará na próxima edição da São Paulo Fashion Week (SPFW), que começa em 25 de abril.

A decisão de se ausentar das edições de 2016 da SPFW foi pautada por estratégias de marketing, a marca pretende focar no varejo neste ano. ‘O grupo AMC Têxtil aprova e apoia o novo calendário de desfiles apresentado pelo SPFW, dentro da nova realidade do mercado, com as mudanças que vem ocorrendo em todo o mundo’, informa o comunicado. 

A Colcci, que fez tradição na SPFW sendo a marca escolhida por Gisele Bündchen para desfilar a pela última vez antes da sua aposentadoria, em 2015,  afirma que voltará a fazer parte do calendário da semana de moda organizada por Paulo Borges na primeira edição de 2017. 

SPFW em novo formato

O organizador e criador do evento, Paulo Borges, anunciou com exclusividade para o ‘Estado’, em março, mudanças significativas e precursoras na SPFW.  A partir de 2017, a data dos  desfiles serão alteradas para deixá-los mais próximos aos lançamentos no varejo. Também não serão usadas mais nomenclaturas ligadas às estações do ano.