Arte como inspiração e Miss Brasil na passarela são destaques do Minas Trend

Anna Rombino - Especial para O Estado de S. Paulo

Semana de moda mineira ocorreu entre os dias 4 e 7 deste mês

Raissa Santana, a Miss Brasil 2016, que abriu o desfile e roubou a cena.

Raissa Santana, a Miss Brasil 2016, que abriu o desfile e roubou a cena. Foto: Reprodução/Instagram

Tranquila, alegre e perspicaz. A essência mineira é o que melhor define a 19ª Edição do Minas Trend Preview, que aconteceu entre os dias 4 e 7 de outubro no Expominas, em Belo Horizonte. Com o tema "Aqui se cria", que instigou os estilistas a traçar um paralelo entre a arte barroca e a arquitetura moderna do conjunto arquitetônico da Pampulha, a Semana de Moda de Minas Gerais buscou no passado uma nova forma de olhar no futuro. 

Nas passarelas, expressões artísticas foram as maiores tendências. A Comedia Dell'Arte, forma de teatro nascida no século XV, na Itália, e o livro "Carnaval", de Manuel Bandeira, foram as principais inspirações de Natália Pessoa, que colocou na primeira coleção de sua marca homônima muita cor e imaginação. A estilista apresentou roupas com mix de estampas ousadas, recortes sensuais e brilhos bronze. Tudo pode, desde que haja diversão. 

Reprodução/Facebook
Ver Galeria 10

10 imagens

Lucas Magalhães foi literal e buscou inspiração no poema "Sou Mineiro", de Carlos Drummond de Andrade, resultando em uma coleção repleta de estampas inspiradas na arte barroca de Ouro Preto. Pedras brutas e paisagens campestres foram combinadas com listras e xadrez. Estampas de tatuagens - que lembram as pinturas portuguesas - e sobreposições trouxeram ares contemporâneos à coleção romântica. 

Os desenhos na pele são mesmo tendência. Tanto que apareceram também no desfile de Victor Dzenk. As tatuagens estilo Old School ficaram estilosas estampadas em tecidos fluidos plissados. Se você estava com alguma dúvida de que a jaqueta bomber veio para ficar, o estilista deu a resposta. Victor apresentou o casaco esportivo de maneira refinada, com bordados florais e pedrarias.  

Enquanto os estilistas desfilaram coleções calmas e orgânicas, a Ellus chegou para apimentar a história. As duas marcas do grupo - Ellus e 2nd Floor - trouxeram o rock'n' roll de São Paulo para Belo Horizonte. A marca seguiu o mesmo estilo do verão urbano apresentado na última SPFW, só que desta vez, as estampas remetiam à flora havaiana. E não foram só as roupas que chamaram a atenção. Raissa Santana, a Miss Brasil 2016, que abriu o desfile e roubou a cena.

Já Thiago Marcon, estilista da 2nd Floor, levou sua coleção para Palm Springs, na Califórnia, com paisagens e vegetação desértica como inspiração. O DNA lúdico da marca ficou evidente nas cores vibrantes, mini comprimentos e na releitura do desenho animado "Os Flintstones".