Após críticas por estrias, modelo plus size desabafa sobre 'idealização de gordas'

Gabriela Marçal - O Estado de S. Paulo

Barbie Ferreira disse que setor da indústria da moda voltado para mulheres curvilíneas quer esconder os corpos e mostrar apenas os rostos que parecem magros

A modelo Barbie Ferreira se consagrou após estrelar campanha da marca de lingerie Archie, que é conhecida por não usar Photoshop

A modelo Barbie Ferreira se consagrou após estrelar campanha da marca de lingerie Archie, que é conhecida por não usar Photoshop Foto: Reprodução/ Instagram @barbienox

O mercado de plus size é um setor da moda que aceita a beleza natural das mulheres, certo? A modelo Barbie Ferreira está mostrando que as coisas não são bem assim. Ela fez um desabafo no Instagram contando que estava nua em um estúdio fotográfico para um trabalho quando foi repreendida por causa de suas estrias.

"Eu estava em um trabalho posando nua na frente de estranhos (posição super vulnerável) e me perguntaram o que tinha de errado comigo, apontando para as minhas estrias. Foi uma mulher. Eu estaria mentindo se dissesse que essas microagressões não acontecem no meu dia a dia nessa indústria", escreveu Barbie.  

A americana afirmou que mesmo no mercado plus size existe um padrão a ser seguido. "Essa indústria não é bonita, nunca foi. Eu não quero vender para você essa ideia de que todas as marcas são positivas quando, na verdade, poucas representam o que as mulheres realmente são e não apenas uma versão idealizada de uma garota gorda (como elas tentam fazer). Não somos tratadas como pessoas nessa indústria! Em todos os lugares!", escreveu Barbie. 

A modelo revelou que mesmo marcas plus sizes pedem para ela usar cintas redutoras ou aplicam Photoshop em suas fotos para que o seu corpo pareça "mais suave".

Barbie relatou que as marcas querem esconder o corpo de modelos gordas e mostrar apenas os rostos que aparentam ser mais magros. 

Veja o desabafo da modelo plus size:

 

Thank you @teenvogue for this write up. After I posted the picture of my stretch marks, not even a few hours later I was stood naked at work in front of strangers (super vulnerable position) and got asked what was wrong with my hips.. Pointing at my stretch marks. By a woman. Id be lying through my teeth if I didn't say micro-aggressions like this don't happen on the daily for me in this industry. And like I always do, I choke back the tears and keep going like nothing happened. Grown ass adults commenting on my teenage body needing spanx, bra cutlets to make me look "better" or Photoshopping my body to be "smoother" right in front of me- most of the time by plus clients. This industry is not cute, never has been. I don't want to sell you this idea that all these brands are so body positive when it's so few that actually represent what women look like not just an idealized version of a thick girl (like they try to do to me.) girls are not treated like people in this industry !! At all !! If you think my abuse is bad, ask a runway model who went from a 34 to a 35 inch hip.. They will tell you they flat out get told to starve and that they're looking fat. Shit isn't as pretty as it looks but.. I'm here to infiltrate from the inside. I truly don't know how much we can do as curvy models when we're still thought of as mannequins- just ones who are cursed to only wear peplums and tunics all day to cover our "flawed" bodies n show just our usually thin faces. Anyway, just wanted to rant because I am so privileged to be here but the flaws in this world make me feel like absolute garbage at the sake of getting paid and trying to spread my message. Not only the consumer is being told they're not good enough- even the girls in the pictures are given the same shit. But y'all got me trapped cuz I need to make a living and enjoy tf out of representing curvy girls all over !!! Jokes on me .

Uma foto publicada por barbie ferreira (@barbienox) em

Horas antes de relatar o caso constrangedor, ela havia postado uma foto no Instagram que mostrava suas estrias. No entanto, a mensagem era empoderadora: “minhas pequenas listras estão bem aqui. Acalmando elas com vitamina e óleo e percebendo o quanto meu corpo pode ser lindo apesar das pequenas mudanças”.

 

mi lil stripes are out here . soothing them with vitamin e oil n noticing how cute my body can be despite lil changes !!!

Uma foto publicada por barbie ferreira (@barbienox) em