8 curiosidades sobre os desfiles da Victoria's Secret

Marília Marasciulo - O Estado de S.Paulo

A delegação brasileira, o sutiã milionário, a saída de Rihanna... Veja os bastidores da vigésima edição do show que reúne algumas das modelos mais bem pagas - e saradas - do mundo será gravado nesta terça-feira, 10, em Nova York e vai ao ar em dezembro

O Victoria's Secret Fashion Show, como o nome sugere, é mais que um desfile de moda (ou de lingerie, mais especificamente): é um super evento com direito à cobertura mundial. Desde 1995, a grife americana leva à passarela um seleto grupo de modelos que estão entre as mais requisitadas, bonitas e saradas do momento, em um evento que é posteriormente transmitido em rede nacional no Estados Unidos. Além das mulheres com trajes diminutos e adereços como asas de anjos (daí o apelido de 'angels'), o evento tem apresentações de cantores e muitas pirotecnias. A gravação da 20ª edição do evento ocorre nesta terça-feira, 10, em Nova York, e vai ao ar no dia 8 de dezembro. Veja algumas curiosidades sobre a história do show.

 

1. Vinte anos de beldades

O evento ocorreu pela primeira vez em 1995 e passou a ser televisionado anos depois, em 2001. Mal um desfile termina, o pensamento já se volta para a edição seguinte. O show de 2015 começou a ser planejado pelos executivos da marca em abril, quando a coleção que será desfilada já estava pensada e desenhada.

 

As brasileiras Alessandra Ambrósio e Adriana Lima desfilaram para a Victoria's Secret em 2014

As brasileiras Alessandra Ambrósio e Adriana Lima desfilaram para a Victoria's Secret em 2014 Foto: Reprodução

 

2. A polêmica: Rihanna teria cancelado participação em defesa da amiga

Na primeira reunião, o gerente de marketing da marca, Edward Razek, comemorou o fato de Rihanna ter aceitado cantar no evento. "Ela concordou, está com um álbum novo e quer fazer o show", disse, enquanto alguém gritou ao fundo: "ela nos ligou do Havaí!". Tudo registrado em vídeo. No entanto, faltando uma semana para o desfile, no último dia 3, Rihanna cancelou sua participação. As causas não são oficiais, mas há boatos de que teria algo a ver com a substituição da modelo Jourdan Dunn, que é sua amiga, por Kendall Jenner. Em seu lugar, entra a cantora Ellie Goulding, que se junta a The Weeknd e Selena Gomez, duas atrações já confirmadas anteriormente.

A cantora Rihanna disse adeus ao desfile da Victoria's Secret de 2015

A cantora Rihanna disse adeus ao desfile da Victoria's Secret de 2015 Foto: REUTERS/Mario Anzuoni

 

3. Gigi Hadid e Kendall Jenner, as estreantes

Estrelas da nova geração de modelos, Kendall Jenner e Gigi Hadid passam a integrar o casting de modelos - e, assim, ajudam a bombar ainda mais a grife em seus perfis populares nas redes sociais. Em seu Instagram, Gigi Hadid postou uma foto emocionada, do momento em que descobriu que estava entre as selecionadas - quase 500 modelos se candidataram para o desfile. A imagem teve mais de 470 mil likes. A Victoria´s Scret também postou um vídeo da cena em seu perfil no Twitter. Assista aqui:

 

4. Como nasce uma angel

No ano passado, 47 modelos desfilaram 81 looks. Neste ano, serão 44. Mas nem todo mundo que cruza a passarela tem direito ao título de angel. Apenas 15 carregam as asas e representam a marca em campanhas e evento o ano inteiro. Entre as 10 novas, há uma brasileira, a piauiense Lais Ribeiro. Elas completam o time das cinco consagradas e veteranas Adriana Lima, Alessandra Ambrosio, Behati Prinsloo, Candice Swanepoel e Lily Aldridge. E o que é preciso para ser uma angel? Isso permanece um segredo, mas beleza, saúde e boa reputação parecem ser fundamentais.

5. A delegação brasileira

Nesta edição, além das angels Adriana Lima, Alessandra Ambrósio e Lays Ribeiro, outras tops brasileiras cruzarão a passarela. São elas Flávia Lucini, Dani Braga, Bárbara Fialho, Gracie Carvalho e Izabel Goulart. Isabeli Fontana, que desfila desde 2001, estará ausente. Gisele Bündchen, que foi angel de 2000 a 2007, não desfila desde então.

 

6. O sutiã milionário

Uma das 'honras' de uma angel é apresentar o fantasy bra, sutiã que chega a custar US$ 2 milhões (cerca de R$ 8 milhões). A função já coube a tops como Gisele Bündchen, Claudia Schiffer, Adriana Lima e Alessandra Ambrósio. Neste ano, a peça ícone do desfile levou mais de 685 horas para ser confeccionada e tem 6500 pedras preciosas. Quem irá carregar o peso (do sutiã e do cargo) será a americana Lily Aldridge. Assista ao momento em que ela o viu pela primeira vez.

 

 

7. Desfile boho-psicodélico-exótico-romântico-explosivo

A apresentação é dividida em temas, que variam a cada edição. Os deste ano são "psychedelic boho" (boho psicodélico, inspirado no movimento hippie e o mais cotado para a abertura do evento), "exotic butterflies" (borboletas exóticas), "portrait of an angel" (retrato de uma Angel, que mostra uma mulher mais frágil e feminina), "pink USA" (a linha jovem da marca inspirada nas adolescentes americanas), "ice angels" (angels do gelo, uma linha esportiva de luxo) e "fireworks" (fogos de artifício).

 

8. A malhação: horas incontáveis

A genética ajuda, claro, mas para ficar com um corpo de angel é preciso muita malhação. Candice Swanepoel, por exemplo, faz box, pilates e corre na praia, além de ser bailarina desde pequena. Clique aqui para ver um pouco da rotina de exercícios dela. Izabel Goulart e Alessandra Ambrósio também pegaram pesado na rotina de treinos e compartilharam tudo com seus seguidores no Instagram. Cansa só de olhar.