XÔ BARULHO!

Agencia Estado - O Estado de S.Paulo

Fogos na cidade, festa, estouro de champanhes. Que alegria contagiante, não? Só se for pra vocês humanos. No meu caso, odeio essa barulheira toda. Aliás, não só eu, como todos os gatos aqui da vizinhança. Já cheguei a ouvir relatos de alguns que até morreram de susto. Na última festa de ano novo, meu pai me administrou um floral e deixou eu e a Dylan em um quarto fechadinho, para que o barulho não estourasse nossos tímpanos e nossa paciência. Um primo meu preferiu ficar dentro do armário, pois se sentia mais protegido e seguro dessa maneira. O floral, sem conservantes, é diluído na água uma semana antes das comemorações. Ele me deixou bem mais calmo e corajoso (como se eu precisasse de coragem). Para aqueles mais inseguros, existem sprays que utilizam ervas aromáticas que acalmam os bichanos. É o maior barato.