Vigília marca início de processo de beatificação do padre Donizetti

Brás Henrique - O Estado de S.Paulo

Católicos devotos do padre Donizetti Tavares de Lima, de Tambaú, cidade com cerca de 22 mil habitantes na região de Ribeirão Preto, fazem vigília entre a noite de amanhã e a manhã de segunda, para marcar o início da fase romana do processo de beatificação do pároco, falecido em 1961.

"É um processo científico e rigoroso, ouvindo cerca de 30 pessoas antes de chegar ao papa", informa irmã Celia. O candidato a beato deve ter um milagre analisado sob quatro aspectos: cura física (instantânea ou muito rápida), se é perfeita (sem sequelas) , se é duradoura e se não pôde ser explicada pela medicina.