Testemunhas confirmam autoria

- O Estado de S.Paulo

A polícia de Santa Fé do Sul (SP) ouviu ontem três testemunhas que confirmaram que o trote que queimou quatro alunos da Fundação Municipal de Educação e Cultura foi aplicado dentro na faculdade, com dolo, pela aluna Layanne Cristina da Silva. A presidente da instituição negou que a instituição tenha se omitido.