TCM abre inspeção sobre fila da saúde

- O Estado de S.Paulo

O Tribunal de Contas do Município determinou ontem uma inspeção na Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo para verificar encaminhamentos de consultas médicas de especialidade, exames e cirurgias. A Defensoria Pública do Estado de São Paulo ingressou com ação contra a Prefeitura em razão da espera para realizar procedimentos, que chega a anos. As filas em postos de saúde têm 2 mil pessoas, como mostrou o Estado ontem. A secretaria ressaltou investimentos de R$ 7,2 milhões para ampliar o atendimento.