Tabloide esquenta o dia com ''barriga''

Jotabê Medeiros - O Estado de S.Paulo

Autópsia falsa é desmentida por IML

A grande notícia de ontem no caso Michael Jackson não passava de "barriga" (jargão jornalístico para notícia falsa). De manhã, o tabloide britânico The Sun saiu com aquilo que dizia que eram conclusões da autópsia oficial no corpo do artista. Os "resultados" eram impactantes e foram reproduzidos por portais diários, sites e blogs: o cantor teria quatro marcas de injeção em volta do coração, estaria pesando apenas 51 quilos, teria comprimidos parcialmente dissolvidos no estômago e apresentaria várias costelas quebradas (resultados, segundo o tabloide, das tentativas de reanimação). Provavelmente não se alimentava havia dias. A "barriga" veio por terra ainda pela manhã. O IML de Los Angeles, desmentiu oficialmente as "conclusões" divulgadas. O porta-voz do IML, Craig Harvey, disse que só os exames toxicológicos mostrariam com convicção a causa da morte do cantor. "Eu não sei de onde a informação veio ou de quem veio. Não é acurada. Algumas das informações são totalmente falsas", afirmou Harvey. O tabloide reafirmou que o que tinha publicado era verdadeiro. Mas, logo a seguir, outros veículos de celebridades, como o site TMZ (o primeiro a divulgar a notícia do ataque cardíaco do artista), cuidaram de desmascarar a versão do jornal britânico. A morte prematura de um dos maiores criadores do show biz em todos os tempos acirra a disputa pelo gossip e gera notícias pouco fundamentadas todo o tempo. Ex-funcionários falam em degeneração física do artista. Mas a empresa AEG Live, que promoveria os 50 shows do cantor em Londres, a partir de julho, distribuiu ontem fotos feitas por um fotógrafo contratado, Kevin Mazur, que mostra Michael Jackson ensaiando no Staples Center na terça-feira, dois dias antes de morrer. Nas imagens, Jackson parece bastante disposto e sorridente em meio aos bailarinos e em boa forma física. O último ensaio de Michael Jackson foi gravado e, de acordo com o site de entretenimento TheWrap, deverá ser lançado como um DVD de alta definição e também como um CD, já que isso era parte do contrato com a AEG Live.