Só 2% reciclam celulares no Brasil; 10% jogam no lixo

Simone Iwasso - O Estado de S.Paulo

Com 125 milhões de usuários no País e um crescimento médio de 20% ao ano, os celulares começam agora a ter programas de coleta e reciclagem, encabeçados por algumas empresas fabricantes. Apesar disso, pesquisa divulgada no ano passado pela Nokia mostrou que apenas 2% dos brasileiros reciclam seus aparelhos, apesar de 74% das pessoas entrevistadas apoiarem a reciclagem.O levantamento mostrou que a maior parte dos entrevistados (44%) acaba deixando o aparelho antigo guardado em casa e outros 29% dão para outra pessoa. Cerca de 10% jogam no lixo comum. "Nossos aparelhos são recolhidos, a desmontagem é feita por uma empresa parceira e todas as partes são enviadas para reciclagem", conta Luiz Ceolato, supervisor de ambiente da Motorola Brasil. A empresa acabou de firmar uma parceria com a rede de supermercados Wall Mart para instalar postos de coleta. A Vivo também coleta há dois anos os aparelhos em suas lojas e na rede de assistência técnica. A Claro começou no ano passado o seu programa.