Sintomas do estrabismo

Agencia Estado - O Estado de S.Paulo

O estrabismo pode se apresentar de diversas maneiras. A forma mais comum é o desvio convergente, que acontece quando um dos olhos ?entorta? para dentro. Existem também os desvios divergentes (olhando para fora) e os verticais (quando um olho fica mais alto ou mais baixo do que o outro). Além disso, existem três classificações que dizem respeito à freqüência com a qual o estrabismo pode ser observado. No constante, o desvio de um dos olhos é observado o tempo todo. Pode ser monocular quando é sempre o mesmo olho que desvio e alternante quando o desvio se alterna nos olhos. No desvio intermitente, os olhos intercalam alinhamento com o desvio. Nos latentes, os desvios são apenas verificados através de testes de motilidade ocular.