Sinta-se em casa

- O Estado de S.Paulo

Na contramão dos mega salões, alguns endereços de beleza pra lá de especiais valorizam o atendimento exclusivo e o clima intimista

Nada de paredes e uniformes brancos ou de sinfonia de secadores. Vendinha de produtos perto do caixa também não há. Bijuterias, lanchonete? Não e não. Sala de espera? Nem espera tem. Os salões visitados pelo Feminino são especiais. Dispensam ainda bancadas, exército de profissionais, profusão de lavatórios e outros clichês dos megacabeleireiros. O maior deles soma quatro lavatórios; o menor, apenas um. Pequenos? Sim, mas a definição "intimista" cai melhor.

 

A expressão "casa de autor" também cabe bem, uma vez que a trinca de endereços visitados é comandada por três profissionais reconhecidamente talentosos. Fizeram questão de deixar suas marcas não só nos serviços que oferecem, mas também na decoração (criativa, pessoal e caprichada) e no conceito de seus, digamos, escritórios. Tudo para reproduzir um clima como o de uma autêntica casa (dois dos entrevistados, inclusive, literalmente vivem no salão) e para atender clientes com a atenção merecida, sem pressa, nem atraso, e muito bem.

 

 

 

Oh! Theo Beauty & Co

 

Cine privé. No salão de Theo (de boné), dá até para ver filmes numa TV dos anos 50.

 

Anfitrião: Theo Carias

Horário de atendimento: de terça a sábado, das 10 às 20 horas. O agendamento deve ser feito, pelo menos, 48 horas antes. Aos sábados (dia de pico), são atendidos até quatro clientes.

Técnica especial: Theo faz maquiagem HD, ou High Definition. Aplica base de silicone no rosto com air brushing, o que resulta numa textura sem imperfeições. Os reflexos são feitos com esponjas vegetais, e não com papelotes. "Duram mais e têm aspecto mais natural." Tem ainda as luzes e reflexos supersuaves, realizados em mini mechas. Theo também é expert em design de sobrancelhas.

Trilha sonora: "Jazz, jazz e jazz, e MPB, MPB e MPB."

Clima: Theo mora num loft que fica na mesma casa.

Palavras do Theo: "Sou contra a política do atendimento em massa."

Tel.: 3062 3616 , Jardins; http://ahoradoblush.com.br/

 

 

 

 

 

 

 

Wilson Eliodoro Studio

 

Aconchego. Wilson (de óculos) acende a lareira nos dias frios para agradar as clientes.

 

Anfitrião: Wilson Eliodoro

Horário de atendimento: quarta a sábado, das 10h30 às 20h. O agendamento deve ser feito com pelo menos 48 horas de antecedência. Aos sábados, quando tem mais movimento, apenas quatro clientes dividem o amplo salão, onde há quatro funcionários fixos e três freelancers. É possível ser atendida em horários especiais, fazendo a reserva dez dias antes.

Técnica especial: Wilson corta os cabelos secos. Os fios são lavados e escovados antes do corte. "Assim dá para ver melhor onde a ponta está seca, ter certeza do comprimento final (o cabelo molhado fica sempre um pouco mais comprido) e o acabamento fica melhor."

Trilha sonora: vem do iTunes de Wilson, chamado por ele de iGod, que soma mais de 500 discos variados com muitos clássicos e curiosidades.

Clima: nos dias mais frios, Wilson acende a lareira da casa pré-modernista onde mora e atende suas clientes há quase sete anos. Nos dias de sol, é possível ser atendida no jardim. Delícia.

Palavras do Wilson: "Gosto de cuidar dos fios, de cabelos compridos e da fidelidade (risos) das minhas clientes. Quero oferecer um bom momento para as minhas clientes, por isso que eu não tolero pressa."

Tel.: 3812-6448, Itaim Bibi

 

 

 

 

 

 

 

Liceu de Maquiagem

 

Vintage. Vanessa trocou a bancada pela penteadeira e não se arrepende da escolha.

 

Anfitriã: Vanessa Rozan

Horário de atendimento: de terça a sábado, das 11 às 20 horas. Segundas, das 12 às 18 horas. Para marcar o seu horário, entre em contato com o salão 48 horas antes. O Liceu atende, no máximo, duas clientes por vez. Vanessa conta com uma assistente e com o cabeleireiro, o sabe-tudo Vito Mariella.

Técnicas especiais: maquiagem que deixa a pele perfeita, do jeito que a cliente quer; penteado com "cara" de natural, cortes repicados - no estilo moderninho e também no clássico.

Trilha sonora: o fantástico repertório do iPod de Vanessa, que também é DJ e tem gosto refinado. Clássicos do rock e da MPB, pop chiclete, jazz, blues, parcerias inusitadas, samples e mais.

Clima: viaje no tempo e imagine como seria o quarto de sua melhor amiga "pra frentex" nos anos 50. Aproveite o clima de vila da galeria onde fica o salão. Os lojistas são amigos e, não raro, chegam para um bate-papo ou para dar um "oi". Palavra de Vanessa: "Não moro no Liceu, mas o espaço é uma versão muito bem editada da minha casa. Recebo clientes como recebo amigos. Não suporto atmosfera blasé, barulho de secador, fofoca. Busco destacar o que mais prezo: a pessoalidade, o clima leve, as boas energias."

Tel.: 3083-0500, Jardins; www.liceudemaquiagem.com.br