Serra anuncia mais de 9 mil novas vagas em 5 cursos

- O Estado de S.Paulo

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), anunciou ontem a criação de 9.265 vagas de cursos técnicos no Estado, sendo que 600 delas serão oferecidas na capital, como adiantou na semana passada o Estado. No projeto firmado entre as secretarias municipais e estaduais da Educação e o Centro Paula Souza, os professores das Escolas Técnicas (Etecs) utilizarão as salas estaduais e os Centros Educacionais Unificados (CEUs) para ministrar os cursos. O modelo é definido como "regime descentralizado". "Vamos aproveitar a infraestrutura do Estado e das prefeituras para as escolas técnicas. Portanto, vamos economizar", disse Serra. Cerca de R$ 20 milhões serão destinados para a primeira etapa do projeto. Até o final do ano, o governador pretende ter atingido ao menos 75% da meta de vagas. Ele também ressaltou a importância do ensino técnico. "É o ensino que gera emprego. Os alunos do ensino médio saem com uma profissão e ajudam a desenvolver São Paulo. A cidade precisa, para seu progresso técnico, de mão de obra qualificada." A partir de junho, os interessados poderão se inscrever para as novas vagas. O vestibulinho será em julho e as aulas começam em agosto. Os alunos da capital poderão optar pelos cursos, de um ano e meio de duração, de administração, secretariado, contabilidade, comércio e logística. "Tenho certeza de que muitos deles, no ensino médio, vão querer fazer o técnico na escola em que estudam."