Sêmen com 22 anos gera bebê

- O Estado de S.Paulo

Médicos nos EUA anunciaram o nascimento de uma menina concebida com sêmen que ficou congelado por 22 anos. O pai, Chris Biblis, hoje com 38, recebeu tratamento para leucemia entre os 13 e os 18. Aos 16, antes de ser submetido a radioterapia, foi aconselhado a congelar seu sêmen. O bebê, batizado de Stella, nasceu saudável.