São Paulo de todos os ritmos

Marta De Divitiis - O Estado de S.Paulo

Do samba ao rock, passando pela salsa, merengue e outras danças de salão, todos os ritmos são possíveis

Aqueles que repetem que São Paulo é o túmulo do samba se enganam redondamente. Aqui existe, sim, samba no pé, ginga e diversão. Quem não gosta de samba ("bom sujeito não é? ")pode optar por outros ritmos também. É só escolher a casa que mais apetece... Veja um roteiro de baladas para todos os estilos e gostos.MPB E Pop RockCom banda ao vivo, a Aldeia da Villa é freqüentada por pessoas de 25 a 45 anos. Não é permitida a entrada de menores desacompanhados dos pais ou responsáveis. É uma choperia, com petiscos. Não tem pista, mas as pessoas costumam dançar entre as mesas. Abre todos os dias, de segunda a sexta-feira, das 17h até o último cliente. Sábados, domingos e feriados, das 12h ao último cliente. Segundas e terças-feiras, há som ambiente e telão com clipes. Às quartas-feiras, o som é de DJs. De quinta-feira a sábado, há música ao vivo. Aos domingos, pagode. Nas vésperas de feriados, bandas ao vivo animam o espaço. O ingresso é gratuito às segundas, terças e quartas-feiras, exceto em vésperas de feriados. Às quintas-feiras, R$ 5,00 para homens e mulheres. Às sextas-feiras e sábados, R$ 5,00, mulheres, e R$ 8,00, homens. Aos domingos, elas pagam R$ 10,00 e eles, R$ 20,00. Aceitam todos os cartões de crédito. Há serviço de valet com manobristas na porta, por R$ 10,00.Promoção: em janeiro, das 17h às 20h, quem consumir um chope ou uma caipirosca ganha outro. Endereço: Av. Luis Dumont Villares, 628, Santana,tel: 6978-5564. Samba Para quem gosta do ritmo, o Boteco do Martinho tem freqüência eclética, de estudantes de 20 anos a pessoas na faixa dos 50 anos. Bar com pista de dança. Abre às sextas e sábados, das 22h às 4h. Na sexta, apresentam-se os grupos Puro com Gelo e Papo Gostoso. Aos sábados, os grupos Tchê Sampa e Vem pra Mim. A programação continua durante o carnaval. A entrada custa R$ 12,00, para os homens, e R$ 6,00 para as mulheres. Aceitam todos os cartões de crédito, mas não aceitam cheque.Endereço: R. Fidalga, 66, Vila Madalena, tel: 3813-7152. BoemiaO Boteco do Seu Zé resgata o clima romântico e boêmio dos bares do Rio de Janeiro dos anos 30. Cardápio de pratos típicos brasileiros e cerveja. Recebe um público variado, que vai dos 20 aos 50 anos. Abre de terça a domingo a partir das 17h, com música ao vivo a partir das 20h. Aos sábados, pagode e feijoada, das 15h às 20h. Às terças-feiras, vigora o projeto A Vila, com o músico Gó do Trombone. No repertório, Chiquinha Gonzaga, Noel Rosa, Assis Valente, Cartola, Carmen Miranda e Wilson Batista, entre outros. A entrada custa R$ 5,00, exceto no sábado, até as 20h, quando custa R$ 10,00. Após as 20h, o ingresso volta a ser R$ 5,00.Endereço: R. Mourato Coelho, 1044, Vila Madalena, tel: 3034-6382. Mix MusicalIdeal para aqueles que não dispensam uma balada ao som de samba-rock, MPB, samba, black, soul e funk, o Diquinta tem dois bares. O público é descolado, de 25 a 35 anos.Abre quinta, sexta e sábado, das 21h30 às 4h. Apresenta shows com bandas todos os dias e discotecagem com DJ. Todas as quintas e sábados, as pick ups ficam a cargo do DJ Chicão. Às sextas-feiras, é a vez do DJ Tadeu. A programação deste mês: dias 17 e 24 (quintas-feiras), shows do Clube do Balanço; dia 18 (sexta-feira), show com a banda Farufyno; dias 19 (sábado), 25 (sexta) e 31 (quinta), shows com a banda Sambasoul. No dia 1º de fevereiro (sexta-feira), haverá show com a bateria da Escola de Samba Vai Vai.Para entrar, mulheres pagam R$ 20,00 e homens, R$ 30,00. Caso tenham nomes na lista, os valores caem para R$ 15,00 e R$ 20,00, respectivamente. Para tanto, basta entrar no site e pedir para ser incluído na lista do dia. Endereço: R. Baumann, 1435, Vila Leopoldina,tels : 5506 -0100/ 5505-3229. Samba de RaizPonto de encontro dos amantes do samba, a Traço de União tem palco para shows, pista de dança e mesas, além de dois bares. Às quintas-feiras e sábados, o clima é de paquera e dança. A faixa etária do público é eclética: às quintas, entre 18 e 30 anos e, aos sábados, até às 18h, de 25 a 50 anos. Após esse horário, varia entre 18 e 35 anos. Funciona de segunda a sexta-feira, das 12h às 15h (almoço com música ao vivo). Às quintas-feiras, das 21h às 3h e, aos sábados, das 14h às 23h. Não abre às sextas-feiras à noite. Durante o almoço, o som é de MPB (voz e violão). Às quintas-feiras e sábados, samba de raiz com a Banda Traço de União, Dayse do Banjo e Aldo Bueno. De segunda a sexta, das 12h às 15h, não cobram couvert. Às quintas, o valor da entrada é: R$ 20,00 (mulher) e R$ 25,00 (homem). Aos sábados, mulher paga R$ 20,00 e homem, R$ 30,00. Somente às quintas-feiras, há lista de desconto. Os interessados devem entrar em contato pelo telefone. Não aceitam cartões de crédito. São válidos apenas cartões de débito, dinheiro ou cheques.Endereço: R. Cláudio Soares, 73, Pinheiros, tels: 3031-8065/3816-7693. ChorinhoO espaço Feira Moderna abriga uma loja de roupas e artigos de decoração, além de café, restaurante, bar e casa noturna, esta última com apresentações de chorinho, samba e forró. A freqüência varia de universitários a estrangeiros, na faixa dos 25 aos 35 anos. A loja abre de segunda-feira a sábado, das 10h às 22h. Domingos e feriados, das 12h às 19h. O café-bar abre de domingo a quarta-feira, das 10h às 23h. De quinta-feira a sábado, das 10h à 1h30. Todas as quintas-feiras, há o Samba da Feira, com Lia Galdino (que também assina, com sua mãe, Suely, as roupas da loja). Às sextas-feiras e sábados, há shows com grupos variados. Para entrar na casa noturna, o ingresso é de R$ 10,00. Aceitam Mastercard e Redecard (não aceitam American Express).Endereço: R. Fradique Coutinho, 1248, Vila Madalena, tel: 3032-2253. Black MusicCom pista de samba e black music, lounge e bar, o Mood Club abre às sextas e sábados, a partir das 22h. Às sextas, a programação é de black music e, aos sábados, a partir das 22h, o promoter Zezão realiza a festa Sambablackmood, com os DJs Mark, Flash e Tadeu. Black music, samba rock e grupos de samba se alternam, estes últimos com clássicos do gênero. Freqüentado por jovens na faixa dos 20 aos 35 anos. Mulheres pagam R$ 10,00 e homens, R$ 20,00, ambos com nomes na lista. Endereço: R. Teodoro Sampaio, 1109, Pinheiros, tel: 3060-9010. PagodeO espaço Santa Clara é conhecido pelo samba de raiz e pagode. Freqüência variada, em média, dos 20 aos 35 anos.A casa tem bar e restaurante. Funciona de quarta-feira a domingo. De quarta a sexta-feira, fica aberto das 22h às 4h. Aos sábados, das 13h às 19h30 e reabre das 22h às 4h. Domingo, vai das 18h às 24h. Às quartas-feiras, apresentam-se a Turma do Pagode e convidados. Às quintas-feiras, os grupos Gamação e Imaginação. Às sextas-feiras, é a vez do grupo Paraíso e convidados. Nas tardes de sábado, feijoada com o Quinteto em Branco e Preto e, à noite, o Sandália de Prata e o Soul Rapaziada. Aos domingos, apresentam-se o Grupo Arte Popular e convidados. Neste mês, a programação é a mesma. Durante o carnaval, haverá apresentações, que ainda não foram definidas. As entradas custam, de quarta-feira a sábado, R$ 20,00 (homens) e R$ 10,00 (mulheres). Aos domingos, homens pagam R$ 30,00 e mulheres, R$ 10,00.Aceitam todos os cartões de crédito, exceto o Amex. Não aceitam cheques. Endereço: R. João Ramalho, 1085, Perdizes, tels: 3554-4283/3877-0619. Ritmos variadosComposto por bar, restaurante e mezanino para eventos, o Sapori di Rosi recebe um público de todas as idades. Abre de segunda a quarta-feira, das 9h à 1h; quinta-feira, das 9h às 2h; sexta-feira, das 9h às 4h; sábado, das 9h às 5h.Todos os dias tem happy hour a partir das 19h, com música ao vivo no térreo. O músico Milton Novaes (MPB) toca às segundas; às terças, Letto Gomes/Massa (MPB); às quartas, é a vez de Sara (MPB) e samba-rock com Mosquito e Tony Hits; às quintas, Gibson Lago (ritmos variados: MPB, axé, samba); às sextas, Tom Wood (MPB, samba e forró). Aos sábados, a música começa às 13h e vai até as 17h, com Paulo Roberto (samba de raiz). Quinzenalmente acontece o SambaCana Groove, um evento de samba-rock com Djs e repertório que vai dos anos 30 aos dias de hoje. Começa às 23h e termina às 8h do dia seguinte. Aceitam todos os cartões.Endereço: Av. Ipiranga, 200, Centro, tel: 3120-4442. Música latinaO Conexion Caribe é o lugar ideal para quem curte música latina, como salsa, reggae ou merengue, ao som de DJ todos os dias. É freqüentado por pessoas de 25 a 35 anos. A casa tem bar, restaurante e pista de dança. Abre às quartas, das 21h às 2h, e de quinta-feira a sábado, das 21h às 4h. O ingresso custa R$ 15,00 em qualquer um dos dias, e dá direito ao consumo de duas cervejas ou dois refrigerantes. No site há um cupom de desconto, com o qual o valor do ingresso cai para R$ 7,50. Não aceitam cartões de crédito nem cheques.Endereço: R. Belmiro Braga, 200, Vila Madalena, tel: 3813-5229.O Rey Castro tem palco para shows, pista de dança, charutaria. Oferece culinária cubana e contemporânea. A freqüência é diversa, variando conforme as atrações musicais. Há desde universitários e músicos a empresários, alunos de escolas de dança, com idades dos 25 aos 50 anos. Funciona de terça-feira a sábado, das 19h até o último cliente. A cada noite, uma banda diferente se apresenta e divide o palco com o DJ Branca, que faz um mix de música cubana, salsa, merengue e pop latino. Terça-feira é a noite de Pure Black Fusion, a cargo de Tony Gordon, com soul, R&B e funk, acompanhado pelos DJs Branca e Silvinho. Na quarta-feira, a professora Milena Malzoni ensina passos de salsa e merengue. Antes e depois da aula, acontece o show do grupo Pedro La Colina y Sexteto Cañaveral, com músicas de Benny More, Tito Puente, Buena Vista Social Club e Célia Cruz, que incentivam o clima de dança. Na quinta-feira, a banda Espírito Cigano faz o show, antecedido por aula de zouk (dança de origem antilhana). Na sexta-feira é a vez do grupo Latin Lovers, de pop latino e, no sábado, quem dá o tom é a Oficina Latina, que faz uma apresentação com música latina. Na terça que antecede o carnaval, haverá passistas e uma bateria de escola de samba (ainda não escolhida). Entrada: às terças-feiras mulheres pagam R$ 15,00 e homens, R$ 30,00; às quartas e quintas elas desembolsam R$ 16,00 e eles, R$ 20,00; às sextas-feiras, elas pagam R$ 25,00 e eles, R$ 35,00 e, aos sábados, elas, R$ 25,00, e R$ 35,00, eles. Quem opta por jantar, tem 50% de desconto na entrada.Aceitam Visa, Amex, MasterCard e Visa Electron. Endereço: R. Jesuíno Cardoso, 181, Vila Olímpia,tel: 3044-4383. Pop Latino Especializado em música latina, o Xcaret Bar Lounge tem bar, restaurante e pista de dança, com DJs e música ao vivo. Na quinta, o forte é a salsa tradicional, com ritmos de dança de salão; na sexta, pop latino, reggaeton e zouk e, no sábado, todos estes ritmos são contemplados. Tem público variado, dos 18 aos 60 anos, sendo que às sextas-feiras a freqüência é mais jovem e, aos sábados, mais madura. Abre de quinta-feira a sábado, das 21h ao último cliente. Com nome na lista (inscreve-se pelo site www.xcaretbar.com.br), os preços da entrada caem. Sem descontos: quinta-feira, R$ 12,00 (homens e mulheres); sexta, R$ 25,00 (eles) e R$ 20,00 (elas); sábados, R$ 30,00 (eles) e R$ 25,00 (elas). Aceitam todos os cartões de crédito e de débito, exceto o VR, e não aceitam cheques. Endereço: R. Fidalga , 145, V. Madalena, tel: 30317986 e 30324978. RockO Kiaora é um pub com acento australiano e neozelandês, um espaço ideal para quem curte jogar sinuca e assistir a bandas de pop rock. Tem bar e restaurante. As quintas-feiras são dedicadas a flashbacks dos anos 80. A freqüência é de gente jovem, acima de 25 anos.Abre de terça a quinta-feira, das 18h às 2h; às sextas-feiras, das 19h às 3h e, aos sábados, das 20h às 2h. Fecha aos domingos.Em janeiro, às quartas-feiras, a banda cover Insônica se apresenta e, às quintas-feiras, a Taboo Band. Às sextas-feiras e sábados, a GT Band e Tilt se alternam no palco. A entrada custa R$ 10,00 às terças-feiras; R$ 15,00 (mulher) e R$ 30,00(homem), às quartas-feiras; R$ 20,00 (mulher) e R$ 40,00 (homem), às quintas e sextas-feiras, e R$ 25,00 (mulher) e R$ 50,00 (homem) aos sábados. Aceitam todos os cartões de crédito. Não aceitam cheques.   Endereço: R. Dr. Eduardo de Souza Aranha, 377, Vila Nova Conceição, tel: 3846-8300.