Saiba mais

- O Estado de S.Paulo

O que é a influenza A (H1N1)? É uma doença respiratória aguda (gripe), causada pelo vírus A (H1N1). É um novo subtipo do vírus da influenza, assim como a gripe comumComo é transmitida?A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, principalmente por meio de tosse ou espirro e de contato com secreções respiratórias de infectadasQuais são os sintomas?Febre alta e repentina (maior que 38°C) e tosse. Pode ocorrer dor de cabeça, dores musculares e nas articulações e dificuldade respiratóriaO que fazer se há suspeita de estar com a doença?Se a pessoa esteve em um dos países em que o vírus está circulando ou teve contato com alguém que foi a esses locais e apresenta sintomas, deve permanecer em repouso e tomar bastante líquido. Contato com outras pessoas deve ser evitado. Ligue para um médico ou unidade de saúde. Caso tenha de se deslocar, cubra o nariz e a bocaComo prevenir?Ainda não existe uma vacina específica contra o vírus, então evite contato com pessoas doentes, com febre ou tosse; lave as mãos frequentemente; alimente-se e descanse bem, para fortalecer as defesas naturais do corpoComo é o tratamento?Há um medicamento antiviral (fosfato de oseltamivir) indicado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e disponível na rede pública que será usado por recomendação médica. O remédio só faz efeito se for tomado até 48 horas após os sintomasSe os sintomas são similares aos da gripe normal, por que o alarde acerca do influenza A (H1N1)?Porque é um vírus novo, pouco conhecido e, portanto, imprevisível. Além disso, os informes indicam alta capacidade de transmissão entre humanos, com casos de morte de adultos jovens - e não de crianças e idosos, público normalmente mais atingido pela gripe comum Máscaras são úteis para proteger contra o vírus?Equipamentos de proteção individual, como máscaras, devem ser usados por pessoas que apresentam os sintomas e pelos profissionais envolvidos no seu atendimento. No nível de alerta internacional de número 5, a OMS não recomenda o uso de máscaras