Queda de partos não é homogênea

- O Estado de S.Paulo

O número de partos na faixa etária de 10 a 19 anos vem caindo no Brasil. Entre 1997 e 2007, a redução foi de 26,7%, com um total de 572.341 ocorrências no ano passado. A queda, no entanto, não é homogênea: foi de mais de 35% no Sul, mas ocorreu a passos lentos no Norte, com redução de pouco mais de 6%.Até julho deste ano, o sistema de saúde público brasileiro registrou 275.892 partos de jovens entre 10 e 19 anos, média de 1.512 partos por dia, ainda segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde na última sexta-feira, Dia Mundial da Prevenção da Gravidez na Adolescência. Também o Estado de São Paulo anunciou o menor número de gravidez na adolescência em dez anos.Segundo Theresa de Lamare, coordenadora da área de Saúde do Adolescente do ministério, também o sistema nacional que informa o número de nascidos vivos no SUS aponta diminuição do número de filhos de jovens e adolescentes. O Ministério enfatizou ainda estar licitando 400 máquinas para fornecer camisinhas nas escolas - iniciativa já adotada de forma independente por 9 mil estabelecimentos. A idéia é que estejam em operação em 2009.Além disso, destaca Theresa, após parceira recente com o Ministério da Educação, ações de prevenção e promoção da saúde chegarão a 2 milhões de escolares de municípios com baixo Índice de Educação Básica.