Professores da rede básica param por 24h

- O Estado de S.Paulo

Professores da rede básica de ensino público de todo o País promoveram ontem paralisação de 24 horas por um Piso Salarial Profissional Nacional do Magistério e pela melhoria da qualidade na educação. Segundo a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação, a lei 11.738/08 ainda é descumprida por muitos prefeitos e governadores. Em Sergipe e Ceará, a adesão foi de 100% nas escolas municipais e estaduais. No Paraná e na Bahia, o índice foi de 90%.