Pinheiros tem atividades gratuitas na rua para comemorar seu 456º aniversário

- O Estado de S.Paulo

Moradores do bairro vão se reunir na Rua dos Pinheiros, com práticas esportivas e culturais.

Rua dos Pinheiros será fechada para carros

Rua dos Pinheiros será fechada para carros Foto: Divulgação

Um aldeia indígena situada à margem direita de um rio viria a se tornar, 456 anos depois, um dos símbolos de São Paulo. Assim é a história de Pinheiros, um dos mais antigos e tradicionais bairros paulistanos, hoje reduto da boemia, de espaços culturais e de uma cena artística bastante atuante na cidade. Neste domingo, 21, os moradores da região se reúnem para celebrar o aniversário. A rua que leva o nome do bairro será interditada para os carros e recebe programação de saúde, lazer e gastronomia.

A interdição acontece a partir das 10h, no trecho da Rua dos Pinheiros que fica entre a Rua Cônego Eugênio Leite e a Praça Portugal. De acordo com a Companhia de Engenharia e Tráfego (CET), o desvio deve ser feito pela Rua Cônego Eugênio Leite.

Moradores da zona oeste poderão praticar atividades na Rua dos Pinheiros

Moradores da zona oeste poderão praticar atividades na Rua dos Pinheiros Foto: JONNE RORIZ/AE

Durante todo o dia, haverá tendas montadas para orientação sobre saúde da mulher, câncer de mama, saúde bucal e primeiros socorros, além de atendimento nutricional e consultas com oftalmologistas e otorrino. Haverá ainda apresentações da Turma da Mônica, parede de escalada, desfile de motos, pula-pula, shiatsu e oficinas de pintura no rosto, escultura em bexiga e origami. A Prefeitura também promete música ao vivo, feira de artesanato, teatro e cinema ao ar livre.

As atividades acontecem até as 18h, mas a rua fica fechada para os veículos até as 20h. A Rua Francisco Leitão também ficará interditada. A previsão de que cerca de 5 mil pessoas comemorem o aniversário de Pinheiros.