Paris fecha escola com 7 casos

AFP - O Estado de S.Paulo

De modo semelhante ao que ocorreu em São Paulo, uma escola de Paris também foi fechada após alguns de seus alunos contraírem o vírus da gripe suína. O anúncio foi feito ontem por autoridades sanitárias da capital francesa, que decidiram pelo fechamento temporário do local. No total, sete crianças que frequentam a escola foram contaminadas pelo vírus A(H1N1).O primeiro caso, diagnosticado na noite de sexta-feira, foi o de uma menina de 10 anos que havia voltado de uma viagem escolar ao Reino Unido no dia 12. No monitoramento posterior de todos os colegas de classe da menina, foi descoberto que outras seis crianças tinham sido contaminadas pelo vírus. Todas as crianças foram hospitalizadas para exames, passavam bem e deveriam voltar para suas casas em breve. Segundo as autoridades sanitárias, o fechamento provisório da escola tem como objetivo "interromper a cadeia de contágio". A reabertura do local está prevista para quinta-feira. Outras duas crianças que estudam na mesma escola apresentaram sintomas de gripe, mas até ontem não havia confirmação de contaminação pelo A(H1N1). O boletim mais recente da Organização Mundial da Saúde sobre a gripe suína (do dia 19) contava cerca de 45 mil casos em 95 países e territórios. O número de mortes era de 180.