Paramount suspende lançamentos de filmes na Rússia devido aos ataques à Ucrânia

Redação - O Estado de S.Paulo

Disney, Warner Bros. e Sony também tiveram a mesma iniciativa

O lançamento de 'Sonic 2: O Filme', previsto para o dia 31 de março, está suspenso na Rússia.

O lançamento de 'Sonic 2: O Filme', previsto para o dia 31 de março, está suspenso na Rússia. Foto: Paramount

A Paramount anunciou nesta terça, 1º, a suspensão de todos os seus lançamentos cinematográficos na Rússia por causa dos ataques feitos pelo país à Ucrânia. As próximas estreias seriam Sonic 2: O Filme, em 31 de março, e a comédia Cidade Perdida, em 7 de abril.

"Enquanto testemunhamos a tragédia em andamento na Ucrânia, decidimos pausar o lançamento de nossos próximos filmes de cinema na Rússia, incluindo Sonic 2: O Filme e Cidade Perdida", disse em nota.

O estúdio também manifestou solidariedade aos atingidos pelo conflito. "Apoiamos todos os afetados pela crise humanitária na Ucrânia, Rússia e nossos mercados internacionais e continuaremos monitorando a situação à medida que ela se desenrola".

Essa iniciativa de "boicote" já conta com a adesão de outros estúdios de Hollywood. Na última segunda-feira 28, a Walt Disney deu início ao momento e anunciou a pausa nas estreias.

"Devido à invasão não provocada à Ucrânia e à trágica crise humanitária, estamos suspendendo a estreia de filmes na Rússia, incluindo o próximo Red - Crescer é uma Fera, da Pixar."

Em seguida, foi a vez da Warner Bros., que cancelou a estreia de Batman, prevista para a próxima sexta-feira, 4. Depois, a Sony Pictures também se uniu à iniciativa.