Para carregar tudo

Agencia Estado - O Estado de S.Paulo

A Bete, ilustre colunista da Revista JT, diz bem: ?Bolsa de mulher é um mundo...?. Um mundo caótico, anárquico, sem lei, com maquiagem, espelhinho, escova de dente, escova de cabelo, creme para as mãos, creme para o rosto e lenço de papel disputando cada compartimento interno com agenda, guarda-chuva, carteira, moedeira, crachá...Para acondicionar tanta tralha ?indispensável?, não há espaço que baste. Ou melhor, não havia. A moda das maxibolsas é a solução dos seus problemas. Depois de dominar o verão, a tendência continua no inverno, como vêm ditando os últimos desfiles nacionais e internacionais.As ?big bags?- lisas ou cheias de bolsos, largas ou compridas, de cores e materiais diversos - apareceram, de novo, na São Paulo Fashion Week, em Paris e em Nova York. Assim, certamente estarão nas vitrines da próxima estação. Não se trata de uma moda muito democrática, é preciso ressaltar. As baixinhas demais podem sair prejudicadas. Mas as medianas e altas não farão feio.Com espaço de sobra na bolsa, vai ser difícil você se esquecer de carregar algum item imprescindível. Agora, mais difícil ainda será achá-lo...O feng shui e a bolsa idealAs bolsas não carregam apenas as suas tralhas, mas também a sua sorte. É o que diz o feng shui. ?A cor do acessório, como a mulher o segura e o que carrega nele, tudo isso pode afetar a sorte?, disse John Lok, consultor do site fengshui, à agência de notícias Reuters.Ele aconselha as mulheres que buscam riqueza a segurar a bolsa do lado esquerdo do corpo, porque isso aumentaria o que entra nela e diminuiria o que sai. Lok ensina ainda que vermelho, rosa, roxo e as formas angulares podem atrair promoções no trabalho. Já formatos quadrados e amarelo, laranja e marrom são apropriados para os dias em que você quer parecer uma pessoa acessível. Bolsas redondas e brancas, prateadas, douradas, cromadas ou cinzentas inspiram pureza. Formas retangulares, verdes ou azuis claras, são boas para a harmonia. Formas curvas em preto ou azul escuro promovem prosperidade - além de anunciar ao mundo que a dona da bolsa deve ser tratada com respeito.