Onde gripe surgiu, até 32 mil estariam infectados

AP - O Estado de S.Paulo

Embora a Organização Mundial da Saúde (OMS) tenha comunicado ontem cerca de 4,7 mil casos da gripe suína em 30 países, uma nova análise, publicada na revista Science, estima que apenas no México há entre 6 mil e 32 mil casos. "Nossa análise inicial indica que este vai ser um surto comparável com o de pandemias do século 20 , no que se refere à sua disseminação: é muito difícil medir o impacto na saúde humana", disse Neil Ferguson, do Imperial College, em Londres. Segundo os cientistas, a nova gripe parece ter gravidade semelhante à de 1957, o que faria dela menos letal que a pandemia de 1918, conhecida como gripe espanhola. Os casos fatais, diz o estudo, são estimados entre 0,4% e 1,4% do total. Os estudiosos também estimaram que cada caso de influenza no país resultou entre 1,4 e 1,6 infecções de outras pessoas. Os dados sobre a disseminação e a força da doença estão incompletos. O surto parece ter começado em meados de fevereiro, no povoado de La Gloria, Estado de Veracruz, onde 61% dos moradores menores de 15 anos tiveram problemas respiratórios agudos. A Science é publicada às sextas, mas resolveu divulgar com antecedência o estudo por conter relevante informação de saúde pública.