OAB-SP anula duas questões de exame

Renata Cafardo - O Estado de S.Paulo

Com a medida, aumentará número de bacharéis aprovados para 2ª fase

A Ordem dos Advogados do Brasil, seção São Paulo (OAB-SP), anulou ontem duas questões da primeira fase do seu 134º exame, realizado no dia 27 de janeiro. Por causa disso, será divulgada até terça-feira uma outra lista de aprovados. A estimativa é de que tenha de 500 a 1.000 novos nomes. A prova já havia sido cancelada no fim do ano passado depois do vazamento de questões. O exame tinha cem perguntas e, segundo as regras da OAB, são convocados para a segunda etapa todos os candidatos que acertarem pelo menos 50% delas. Até ontem, seriam 9.481 dos cerca de 24 mil que fizeram a prova. Com o número total de questões diminuído para 98, mais bacharéis farão o próximo exame, no dia 9 de março. "A anulação de questões é algo comum e já aconteceu uma dezena de vezes nos outros 133 exames", disse o presidente da comissão de estágio e Exame da Ordem na OAB-SP, Braz Martins Neto. Segundo ele, depois do fim da prova, os candidatos têm três dias para questionar ou pedir impugnação de perguntas ou respostas que considerem erradas. A OAB-SP já chegou a anular três questões em uma prova. A primeira questão com problemas foi a número 67, sobre Direito Processual Penal e Lei de Drogas (11.343/06). "Era imprecisa e a alternativa não estava correta", diz Martins Neto. A outra, número 71, abordava Direito do Trabalho e, segundo ele, apresentava dubiedade nas respostas. O 134º exame foi suspenso na véspera da sua realização, que seria em 9 de dezembro. A OAB-SP acusou a Fundação Vunesp, contratada para imprimir e distribuir a prova, de quebra de sigilo das questões. O contrato com a entidade acabou sendo encerrado. A aplicação do exame foi transferida para o Centro de Seleção e Promoção de Eventos (Cespe), ligado à Universidade de Brasília (UnB). "O cancelamento da prova e, agora, a anulação das questões só demonstra uma preocupação de justiça e transparência da OAB", diz Martins Neto. FUVESTA Fuvest divulgou ontem a segunda lista de aprovados de seu vestibular. A relação completa está no portal do Estado (www.estadao.com.br) e tem 1.684 nomes. As matrículas devem ser feitas na segunda-feira nas unidades onde os aprovados vão estudar na Universidade de São Paulo (USP) ou na Faculdade Santa Casa. Para a USP, é preciso levar documento original e cópia da identidade, certificado de conclusão do ensino médio e histórico escolar ou diploma de conclusão de ensino superior. Além disso, uma foto 3x4 recente.