O que diz a legislação

- O Estado de S.Paulo

Autorização: A venda e a propaganda de medicamentos isentos de prescrição (MIPs) são previstas na legislação brasileira desde 1975Regulamentação: No entanto, somente em 2000 a propaganda desses remédios acabou sendo regulamentada no País pelaAnvisaTipos enquadrados: Estão enquadrados hoje na legislação que trata dos isentos de prescrição remédios contra dor de cabeça, acidez estomacal, febre, tosse, prisão de ventre, aftas, dores de garganta, dores abdominais, assaduras, hemorróidas, congestão nasal, entre outrosPrazo: Todos os remédios, antes de serem vendidos sem receita, devem ser comercializados com prescrição por cinco anos