No Brasil, cerca de um milhão de abortos por ano

Simone Iwasso - O Estado de S.Paulo

De acordo com pesquisas acadêmicas, são feitos cerca de um milhão de abortos ilegais todos os anos no Brasil. E cerca de 270 mil mulheres são internadas no Sistema Único de Saúde (SUS) com complicações decorrentes disso. A discussão sobre o tema foi retomada no início do ano pelo ministro da Saúde, José Gomes Temporão, que o enquadrou como questão de saúde pública e propôs um plebiscito para votar a descriminação. As declarações foram feitas pouco antes da visita do papa Bento XVI ao País e contaram com o apoio de movimentos de médicos, de direitos humanos e de feministas, além de parte do governo. Em 2005, a Secretaria Especial de Política para Mulheres enviou ao Congresso um projeto de lei prevendo a permissão do aborto até a 12.ª semana de gestação. O presidente Lula, porém, em mais de uma ocasião se manifestou contrário à idéia, acalmando setores mais conservadores da sociedade e a Igreja Católica.