Montadora deve divulgar poluição de carro, diz MPF

Cleide Silva - O Estado de S.Paulo

A procuradora do Ministério Público Federal Ana Cristina Bandeira Lins abriu inquérito para averiguar por que as montadoras relutam em comunicar aos consumidores os índices de poluição dos veículos. Ela defende a possibilidade de a indústria ser responsabilizada por danos à saúde causados pelas emissões. A tese foi apresentada ontem durante seminário em São Paulo da Associação Brasileira de Engenharia Automotiva."As empresas deveriam, ao menos, divulgar essas informações nos seus sites", defende Ana Cristina. Ela também é responsável pelo inquérito civil que investiga os responsáveis pelo descumprimento da Resolução 315 do Conama, de 2002, pela qual, a partir de janeiro deste ano, os veículos deveriam rodar com diesel mais limpo.